I’m fucking Cook!

Excelente esse final da Season 4 de Skins hein? Achei tão digno que até me lembrei muitos dos bons tempos da primeira temporada. Saudades!

Essa segunda fase de Skins começou meia boca, eu sei. Personagens novos ocupando o espaço dos nossos novos querideeenhos não é fácil, mas também não acho que foi por isso que a temporada não colou logo de cara. Acho que foi mais preguiça do que qualquer coisa, preguiça criativa é claro. Se o começo tivesse sido bom, seria tudo mais fácil.

Até que eles resolveram recuperar o fôlego nessa Season 4, com episódios sensacionais, alguns muito superiores mas em um média de nível muito boa. O começo foi devagar, um risco grande começar a série com um episódio centrado em um dos personagens mais sem graça. E eu não estou falando da Pandora hein? euri! Mas no geral, tivemos ótimos episódios para encerrar esse ciclo da nova geração de Skins.

Chegamos ao final, no ep “4×08 Everyone”, episódio de resoluções para a vida de todos. E o ep reuniu tudo o que mais gostamos em Skins: adolescentes colocados, dançando pencas, sendo violentos e sinceros quando necessário. Ahhhh, e rolou uns momentos hilários de escatologia pura. Me irritei um pouco com a história do casal de lez, fato, mas deixei passar porque o que estava por vir era muito superior do que um papeeenho tolo sobre não se deixar ser controlada na relação por amar demais. Zzzzzzzz, sono! Acho que se elas fossem um pouqueeenho mais velhas e mais legais, resolveriam tudo com um 3some.

Mas vamos falar de quem interessa não é mesmo?

Effy ainda buscando a recuperação da sua sanidade teve que lidar com o misterioso desaparecimento do seu namorado, Freddie, que ao que tudo indica foi mesmo assassinado pelo psiquiatra doidão.

E ainda teve a festa no galpão do Freddie, com direito a Cook, JJ e a irmã do Freddie (que teve uma das lines mais engraçadas e provocantes ever quando listou tudo o que ela gosta) fazendo a coreo de ” Can’t get you out of my head” da Kylie. Rolei com o Cook! La la la lalalalala la la la!

Agora, e o Cook hein? Que personagem sensacional não? Desde que essa nova geração de Skins começou ele e Effy sempre foram os meus preferidos, achava o casal leeeandro (mas tmbm gostava dela com Freddie). Mas ele sem dúvida roubou a cena durante essas duas temporadas com a sua falta de moral, descontrole e toda a sua ira. Acho muito digna a forma com que seu personagem representa e muito bem um determinado estereótipo dessa nova geração.

Cook continua sua vida como fugitivo, vivendo de favor na casa dos amigos, sem abandonar os seus antigos vícios e seu modo de vida nada convencional. Apaixonado por Effy, de quem ele abriu mão por conta dos sentimentos da garota por seu melhor amigo, ele ainda sofre por esse amor confuso, mas tenta seguir a sua vida sem ser pego pela polícia inglesa.

E a sequência final, onde Cook descobre que o tal psiquiatra malucão foi quem sumiu (e provavelmente matou) o seu melhor amigo, tudo isso por tmbm estar apaixonado por Effy, foi o suficiente para despertar todo o ódio que Cook guarda dentro dele mesmo. Alguém achava que ele iria se ajoelhar e aceitar a morte? Jamais! Como ele mesmo disse, naquele momento ele não tinha mais nada o que perder, já era um perdido mesmo, então o que faria o psiquiatra e seu bastão pensar que Cook se renderia? E de uma forma insana a série termina a sua excelente temporada com Cook completamente tomado por toda a sua ira e partindo para cima do assassino gritando: I’m Cooooook!

Brilhante! Só fico cada vez mais orgulhoso com essa série! Confesso que sinto inveja dos adollys de hoje que podem ter a chance de assistir a um programa tão incrível enquanto ainda estão passando pelo mesmo tipo de situação. Ahhhhhh e dizem que o Channel 4 pretende fazer um filme da série, que ainda não se sabe como será e nem pra quando será, mas fikdik ae do Guilt que se fosse algo como as duas gerações se encontrando seria algo de incrível, não?

Se vai rolar ou não uma Season 5 eu ainda não sei, mas acredito que sim. Mesmo assim, só em 2011 neam?

Etiquetas: , , , , , , , , , ,

7 Respostas to “I’m fucking Cook!”

  1. Leo Says:

    Realmente, excelente esse final

  2. Jana Says:

    E o Cook além de tudo é lindo

  3. Diego Says:

    Muito boa essa coreografia

  4. Everyone – a despedida da terceira e última geração de Skins « The Modern Guilt Says:

    […] seguinte, algo que pouco aconteceu com a segunda geração, essa sim que apesar de eu também ter gostado bastante da sua dinâmica, é inegável que podemos considerá-la como a mais fraca entre as […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: