É, também achei Caprica meio assim…

Depois da minha maratona bem tardia de Battlestar Galactica do ano passado, resolvi que eu tinha que ver como tudo começou e por isso deveria dar uma chance para Caprica.

A principio a série me pareceu ser bem feita, com fundamento, uma direção de arte boa. Mas a ilusão durou pouco…

Eu não sei se foi a história fraca e um tanto quanto confusa, ou a falta de um personagem que realmente me chamasse a atenção, mas fato é que eu não consegui gostar da série. Sorry SyFy!

Mesmo usando pencas de referências de Battlestar Galactica, mesmo com um climão meio Inception/Matrix/Sin City (New Caprica)/Kill Bill/Laranja Mecânica/Poderoso Chefão/Gossip Girl Underground (V World), eu achei tudo exagerado demais e mal resolvido, confuso, com muita referência batida e pouco original.

Me pergunta o nome de um personagem? Só lembro da Zoe e da família Adama, pq de resto, não consegui me apegar, Sorry!

A idéia da Holoband é bem bacana, mas tem um fundamento Second Life, não? Second Who? (rs) Agora, quem duvida que no mundo real, as coisas ficariam ainda pior no V World? Eu não duvido…

E o que eu acho que pesou mais na série foi aquele climão de terrorismo no ar, em quase todo o episódio. Eu AMO o Tarantino por exemplo e sou capaz de assistir todos os seus filmes mais sangrentos 20 vzs seguidas, mas esse clima de terrorismo, de adolescentes bombas e malucos fanáticos religiosos e violentos demais é um pouco demais pra mim. Outro ponto fraco em Caprica é que em nenhum momento fica bem claro quem é quem, ou melhor, quem esta de que lado, ou melhor ainda, quem é o mocinho daquela história toda? Até agora, eu não consegui decidir o que eu acho de cada um dos lados dessa história e isso não me parece bom…

E não estou falando aqui de uma ambiguidade interessante, que deixa todo mundo na dúvida, estimulando a curiosidade. Falo mesmo de personagens sem profundidade, sem carisma, sem definições. A sensação que eu tive foi a de que ninguém por ali era boa coisa, rs

Sem contar que eu não confio naquela atriz que faz a mãe da Zoe na série (Paula Malcomson). Não sei pq, mas acho que ela tem cara de falsa (sei tmbm que é horrível dizer isso, mas é o que ela imprime fazendo sempre os mesmos papéis), de pessoa falsa e não de cara de vilã, sabe? Triste, não? Deve ser por conta do seu passado duvidoso em Fringe, Sons Of Anarchy, Lost. Eu não confiava…

Quando eu não gosto muito de uma série, não sinto vontade de escrever, por isso vou parar por aqui…e continuo preferindo os Cylons antigos, fikdik

Acho que dá para ficar apenas com Battlestar Galactica, fikdik

Etiquetas: , , ,

Uma resposta to “É, também achei Caprica meio assim…”

  1. Helix, o primeiro trailer | The Modern Guilt Says:

    […] nós já falamos aqui e aqui e a nada boa, Caprica – da qual nós também já falamos, só que aqui) e mesmo sem ter um elenco definido ainda, já garantiu até uma primeira temporada de 13 […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: