Louie provando que é possível vencer a guerra apenas com a ajuda de um filhote de pato

Sensacional o episódio da semana passada de Louie hein? (2×11 Duckling)

Louie é aquele tipo de comédia que te faz rir, as vezes até dar boas risadas (dependendo do seu tipo de humor), mas ao mesmo tempo te faz pensar e talvez esse seja o seu maior diferencial.

Dessa vez fomos convidados para uma viagem ao Afeganistão na companhia de Louie, que tinha como tarefa tentar levar algum entretenimento para os soldados americanos em guerra.

O episódio tinha tudo para ser meio lame, mas como Louie não é uma comédia qualquer, foi exatamente o oposto e com um episódio especial de 42 min, Louie conseguiu fazer mais do que se ter vontade de rir, ou de pensar, ele conseguiu emocionar com uma idéia simples e que mais tarde durante os créditos,  nós descobrimos que saiu direto da mente da sua filha de seis anos de idade, foufo mil.

Podemos observar um retrato bem respeitoso até, da realidade dos soldados americanos que estão longe de casa. De uma forma direta, sem piada ou qualquer outro tom ou intenção, nos foi mostrado diferentes tipos de realidade de uma mesma situação.

Primeiro, um “acampamento” mais bem cuidado, com instalações básicas de conforto e tudo mais. E na segunda realidade, um outro retrato da guerra, com uma segunda instalação um tanto quanto mais simples, bem precária até, em uma área de risco, onde aqueles homens são obrigados (muitos, não todos…) a viver em condições mínimas de conforto. E tudo isso diante do risco eminente de acontecer um ataque ou entrar em conflito a qualquer momento e essa tensão é possível de ser percebida se vc parar e reparar que mesmo quando estão à mesa, os soldados estão com suas armas no colo, ou segurando-as com a outra mão, talvez para que não sejam surpreendidos em nenhum momento.

Um retrato honesto e até bem sensível de uma realidade que a gente desconhece. Gostei da sinceridade, do respeito e da coragem que ficou para o final do ep.

De uma forma bem humorada e apelando para a comédia pastelão, que é compreendida em todas as línguas, tivemos Louie  que certamente era quem estava se sentindo como o mais  “covarde” dentro daquela situação (algo mais perto de como eu tmbm me sentiria), rolando ladeira abaixo atrás do pato que a sua filha de 5 anos colocou secretamente na sua bagagem, para protegê-lo de qualquer coisa que viesse acontecer. Tudo isso ainda com a cara lambusada de protetor solar, porque Louie além de tudo, tem a pele sensível, rs. #TEMCOMONAOAMAR?

Ao final, tivemos irônicamente aquele pequeno pato selando a paz do que poderia ter se tornando um conflito violento, tudo isso pela falta  de comunicação e entendimento entre aqueles homens grandalhões “corajosos”, munidos de suas armas potentes e que não conseguem falar a mesma língua, talvez por não se esforçarem o suficiente e também porque ganhar na força sempre é mais fácil, humpf…

E só de pensar que essa simples ideia que saiu da cabeça de uma pequena garota de apenas seis anos e que poderia mudar a história de muita gente (de todos na verdade…), só podemos sentir vergonha de quem esta no comando e que nunca conseguiu pensar em algo mais ou menos parecido para acabar de vez com essa situação lamentável.

Comunicação é o futuro. 10 anos. 10 ÂNUS  de ignorância, para ambos os lados.

Episódio delicioso, super sensível e emocionando sem a menor apelação,  daqueles que certamente vai entrar para a sua lista dos melhores episódios ever.

ps: bom momento para comemorar que o FX acabou de renovar Louie para a sua Season 3. Yei!

Etiquetas: , , , ,

2 Respostas to “Louie provando que é possível vencer a guerra apenas com a ajuda de um filhote de pato”

  1. Louie Louie Louie…Louie-e-e « The Modern Guilt Says:

    […] da Season 3 de Louie, que volta no FX de lá, no dia 28 de Junho. Série que é a comédia de um homem só mais […]

  2. Louie, a série que virou mainstream sem se tornar mainstream « The Modern Guilt Says:

    […] Louie! (detalhe que a temporada não termina nesse episódio e ainda temos uma season finale, com o retorno do pato, só que de uma forma bastante diferente. Repito: […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: