Agora só nos resta torcer para os indicados ao Oscar 2013

628x471

Continuo achando que esse foi um ano morno para o cinema, cheio de pipoca semi fria e com pouca ou muita manteiga. Sem contar a TV, que não foi muito feliz em sua leva de novidades (é, não foi) e ainda temos algumas séries se despedindo de forma bem capenga e ou não conseguindo reconhecer que já passou da hora de parar.

Mas falando em Oscar e nos prêmios de cinema, tivemos algumas surpresas na lista de indicados ao Oscar 2013, divulgada hoje cedo pela lindíssima Emma Stone, acompanhada do hostess da cerimônia desse ano, o queridíssimo que eu queria que fosse um dos meus melhores amigos e ou patrão (sim, eu sempre sonhei em também trabalhar com animação algum dia), Seth McFarlane e alguns outros nomes que também apareceram em meio aos indicados e que só nos resta dizer que confirmou!

Então, vamos a lista:

 

MELHOR FILME

Indomável Sonhadora

O Lado Bom da Vida

Lincoln

A Hora Mais Escura

As Aventuras de Pi

Os Miseráveis

Amor

Django Livre

Argo

 

De todos eles, até agora eu só assisti “Argo” (que é um bom filme e teve uma merecida indicação), por isso prefiro não arriscar nenhuma torcida ainda. Apesar de achar que “Les Mis” ou “Lincoln” tenham grandes chances por ter cara da preferência de sempre de Hollywood, seria lindo ver o austríaco “Amour” ou “Indomável Sonhadora” (que eu ando bem querendo ver muito) levando esse prêmio para casa. 

 

MELHOR DIREÇÃO

Michael Haneke – “Amor”

Benh Zeitlin – “Indomável Sonhadora”

Ang Lee – “As Aventuras de Pi”

Steven Spielberg – “Lincoln

David O.Russell – “O Lado Bom da Vida”

 

Nomes de peso e bastante conhecidos no meio dos novatos que parecem que fizeram bem bonito esse ano. Boa Sorte. Achei uma pena o nome do Ben Affleck não estar nesse meio? Achei. E o do Tarantino + Wes Anderson também. Humpf!

 

MELHOR ATOR

Daniel Day Lewis – “Lincoln”

Denzel Washington – “O Voo”

Hugh Jackman – “Os Miseráveis”

Bradley Cooper – “O Lado Bom da Vida”

Joaquin Phoenix – “O Mestre”

 

Dizem que o Joaquin voltou com tudo em “O Mestre”, mas estou achando difícil alguém roubar esse prêmio do lindíssimo e mega talentoso Day Lewis. Gente, e o Bradley Cooper nesse meio? Devido a minha #CRUSH antiga pelo seu Will em Alias, achei mais do que inesperado e espero que tenha sido merecido também.

 

MELHOR ATRIZ

Jessica Chastain – “A Hora Mais Escura”

Jennifer Lawrence – “O Lado Bom da Vida”

Emmanuelle Riva – “Amor”

Quvenzhané Wallis – “Indomável Sonhadora”

Naomi Watts – “O Impossível”

 

Chastain, Watts, todas com boas chances. Mas quer saber, com duas indicações tão cedo na sua vida, acharia lindo se a Jennifer Lawrence levasse esse prêmio. 

 

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Christoph Waltz – “Django Livre”

Philip Seymour Hoffman – “O Mestre”

Robert De Niro – “O Lado Bom da Vida”

Alan Arkin – “Argo”

Tommy Lee Jones – “Lincoln”

 

Estou achando a categoria coadjuvantão muito mais concorrida do que a de melhor ator. Acabo torcendo por todos, pelo conjunto da obra. 

 

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Amy Adams – “O Mestre”

Sally Field – “Lincoln”

Anne Hathaway – “Os Miseráveis”

Helen Hunt – “As Sessões”

Jacki Weaver – “O Lado Bom da Vida”

 

Outra categoria disputadíssima. Bom ver a Helen Hunt voltando com toda força e embora o meu coração queira torcer mais pela Anne Hathaway em qualquer categoria que ela apareça, meu amor mais antigo pela Sally Field acaba sempre falando muito mais alto. Não tem jeito. 

 

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL

“Amor” – Michael Haneke

“Django Livre” – Quentin Tarantino

“O Voo” – John Gatins

“Moonrise Kingdom” – Wes Anderson e Roman Coppola

“A Hora Mais Escura” – Mark Boal

 

Tá, não vou dizer que quando eu leio Wes Anderson e ou Quentin Tarantino, eu não consigo pensar em nenhuma outra coisa. Permaneço em silêncio então…

 

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO

“Argo” – Chris Terrio

“Indomável Sonhadora” – Lucy Alibar e Benh Zeitlin

“As Aventuras de Pi” – David Magee

“Lincoln” – Tony Kushner

“O Lado Bom da Vida” – David O.Russell

 

Gosto de diretores envolvidos em todos os processos. Acho que tudo fica muito mais pessoal. O que também pode se tornar um problema. 

 

MELHOR FILME ESTRANGEIRO

“Amor”

“Kon-Tiki”

“No”

“O Amante da Rainha”

“War Witch”

 

Engraçado ter um filme concorrendo como melhor filme estrangeiro e melhor filme ao mesmo tempo. Alguém tem alguma dúvida que “Amor” leva esse?

 

MELHOR ANIMAÇÃO

“Valente”, de Mark Andrews e Brenda Chapman

“Frankenweenie”, de Tim Burton

“ParaNorman”, de Sam Fell e Chris Butler

“Piratas Pirados”, de Peter Lord

“Detona Ralph”, de Rich Moore

 

Até agora, só vi dois: “Frankenweenie”, que eu gostei, não amei e “Valente”, que com o qual eu me relacionei da mesma forma. Estou com preguiça de “Detona Ralph” pela dificuldade de encontrá-lo legendado e “ParaNorman” está na minha lista para assistir para ontem e já faz tempo. #SHAMEONME

 

MELHOR FIGURINO

“Anna Karenina” – Jacqueline Durran

“Os Miseráveis” – Paco Delgado

“Lincoln” – Joanna Johnston

“Espelho, Espelho Meu” – Eiko Ishioka

“Branca de Neve e o Caçador” – Colleen Atwood

 

Achei que esse “Anna Karerina” seria mais respeitado em outras categorias. E apesar de lindos, acho os figurinos de época um tanto quanto supervalorizados sempre… o que me dá bastante preguiça. Oh WAIT… “Branca de Neve e o Caçador” teve uma indicação. Sim, vivemos em um mundo desse tipo. Para pensar sobre…

 

MELHOR DOCUMENTÁRIO

“5 Broken Cameras”

“The Gatekeepers”

“How to Survive a Plage”

“The Invisible War”

“Searching for Sugar Man”

 

MELHOR DOCUMENTÁRIO DE CURTA-METRAGEM

“Inocente” – Sean Fine e Andrea Nix Fine

“Kings Point” – Sari Gilman e Jedd Wider

“Mondays at Racine” – Cynthia Wade e Robin Honan

“Open Heart” – Kief Davidson e Cori Shepherd Stern

“Redemption” – Jon Alpert e Matthew O’Neill

 

MELHOR CURTA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO

“Adam e Dog” – Minkyu Lee

“Fresh Guacamole” – PES

“Head over Heels” – Timothy Reckart e Fodhla Cronin O’Reilly

“Maggie Simpson em ‘The Longest Daycare’” – David Silverman

“Paperman” – John Kahrs

 

MELHOR CURTA-METRAGEM

“Asad” – Bryan Buckley e Mino Jarjoura

“Buzkashi Boys” – Sam French e Ariel Nasr

“Curfew” – Shawn Christensen

“Death of a Shadow (Dood van een Schaduw) – Tom Van Avermaet e Ellen De Waele

“Henry” – Yan England

 

MELHOR MAQUIAGEM

“Hitchcock” – Howard Berger, Peter Montagna e Martin Samuel

“O Hobbit: Uma Jornada Inesperada” – Peter Swords King, Rick Findlater e Tami Lane

“Os Miseráveis” – Lisa Westcott e Julie Dartnell

 

“Hitchcock” foi outro dos filmes que não conseguiram convencer, hein? Me lembro de muito barulho quando foi anunciado e agora… silêncio total para evitar o climão e ou transformá-lo em algo maior ainda, rs

 

MELHOR EDIÇÃO

“Argo” – William Goldenberg

“As Aventuras de Pi” – Tim Squyres

“Lincoln” – Michael Kahn

“O Lado Bom da Vida” – Jay Cassidy e Crispin Struthers

“A Hora Mais Escura” – Dylan Tichenor e William Goldenberg

 

MELHOR FOTOGRAFIA

“Anna Karenina” – Seamus McGarvey

“Django Livre” – Robert Richardson

“As Aventuras de Pi” – Claudio Miranda

“Lincoln” – Janusz Kaminski

“007 – Operação Skyfall” – Roger Deakins

 

Daria uma indicação para “Moonrise Kingdom” nessa categoria, fácil. 

 

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL

“Before My Time” (de “Chasing Ice”) – Música e letra de J.Ralph

“Everybody Needs a Best Friend” (de “Ted”) – Música de Walter Murphy e letra de Seth MacFarlane

“Pi’s Lullaby” (de “As Aventuras de Pi”) – Música de Mychael Danna e letra de Bombay Jayashri

“Skyfall” (de “Skyfall”) – Música e letra de Adele Adkins e Paul Epworth

“Suddenly” (de “Os Miseráveis”) – Música de Claude-Michel Schönberg e letra de Herbert Kretzmer e Alain Boublil

 

Posso dizer que eu fiquei muito, mas muito feliz ao ver o nome do Seth McFarlane nesse grupo. Sinceramente? Ficaria imensamente feliz caso ele ganhasse, porque para quem não sabe, além de cantor, McFarlane sempre levou o assunto “música” bem a sério e toda a trilha sonora de Family Guy por exemplo, é feita por uma orquestra a cada episódio, detalhe que talvez passe despercebido por muitos mas é sempre bom saber que tem gente que se preocupa com esse tipo de detalhe. Ainda mais em uma animação como essa. A melhor da TV. Pronto, eu disse. (e que tem os melhores musicais dentro da própria série. Falei de novo)

 

MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL

“Anna Karenina” – Dario Marianelli

“Argo” – Alexandre Desplat

“As Aventuras de Pi” – Mychael Danna

“Lincoln” – John Williams

“Skyfall” – Thomas Newman

 

DIREÇÃO DE ARTE

“Anna Karenina” – Sarah Greenwood (design de produção) e Katie Spencer (decoração do set)

“O Hobbit: Uma Jornada Inesperada” – Dan Hennah (design de produção); Ra Vincent e Simon Bright (decoração do set)

“Os Miseráveis” – Eve Stewart (design de produção) e Anna Lynch-Robinson (decoração do set)

“As Aventuras de Pi” – David Gropman (design de produção) e Anna Pinnock (decoração do set)

“Lincoln” – Rick Carter (design de produção) e Jim Erickson (decoração do set)

 

EDIÇÃO DE SOM

“Argo” – Erik Aadahl e Ethan Van der Ryn

“Django Livre” – Wylie Stateman

“As Aventuras de Pi” – Eugene Gearty e Philip Stockton

“Skyfall” – Per Hallberg e Karen Baker Landers

“A Hora Mais Escura” – Paul N.J. Ottosson

 

MIXAGEM DE SOM

“Argo” – John Reitz, Gregg Rudloff e Jose Antonio Garcia

“Os Miseráveis” – Andy Nelson, Mark Paterson e Simon Hayes

“As Aventuras de Pi” – Ron Bartlett, D.M. Hemphill e Drew Kunin

“Lincoln” – Andy Nelson, Gary Rydstrom e Ronald Judkins

“Skyfall” – Scott Millan, Greg P. Russell e Stuart Wilson

 

EFEITOS VISUAIS

“O Hobbit: Uma Jornada Inesperada” – Joe Letteri, Eric Saindon, David Clayton e R.Christopher White

“As Aventuras de Pi” – Bill Westenhofer, Guillaume Rocheron, Erik-Jan De Boer e Donald R.Elliott

“Os Vingadores” – Janek Sirrs, Jeff White, Guy Williams e Dan Sudick

“Prometheus” – Richard Stammers, Trevor Wood, Charley Henley e Martin Hill

“Branca de Neve e o Caçador” – Cedric Nicolas-Troyan, Philip Brennan, Neil Corbould e Michael Dawson

 

Apesar de ter sido uma boa lista e ter o nome do Seth McFarlane como o apresentador do Oscar 2013 já ser uma grande esperança de que a premiação desse ano tem tudo para ser bem menos tediosa do que as últimas 10 pelo menos (e só pelo clima da apresentação da lista dos indicados, ele já provou que estava afiadíssimo. Sem contar que ele tem um Stewie na manga para sacar a qualquer momento. Aliás, será que eles todos estarão lá? Imaginem só? – #OLHOSBRILHANDO), confesso que eu acho triste não ver nenhuma indicação para o sensacional “The Dark Knight Rises” do Nolan nessa lista. Mas tudo bem, agora só nos resta esperar pelos resultados e reclamar muito depois de ter assistido a todos os filmes indicados para a premiação desse ano.

♥ Já está seguindo a magia do Guilt no Twitter? Ainda não? @themodernguilt

Anúncios

Etiquetas: , , , ,

10 Respostas to “Agora só nos resta torcer para os indicados ao Oscar 2013”

  1. Denise Says:

    Se eu já estava ansiosa para assistir Silver Linings Playbook, agora fiquei mais ainda, com todas essas indicações. Esse filme emplacou em todas as principais categorias! Eu não imaginei que fosse filme para Oscar, mas como ainda não vi…
    Senti não ver a Marion Cotillard por De Rouille et D’Os… Mas, como não vi os outros, não dá pra dizer que foi injusto. Além disso, achei bacana o que vc colocou sobre a Jennifer Lawrence. Eu gosto bastante dela, acho que ela transita bem entre filmes diversão e mais sérios.
    De todas as categorias, a única que posso opinar com propriedade é Animação (filho pequeno…). Gostei de Piratas Pirados e Frankenweenie, adorei Valente e amei ParaNorman e Detona Ralph. Com relação à arte, prefiro Valente (o cabelo da Merida é a coisa mais linda que já vi em animações! E o Sandman, da Origem dos Guardiões tb…). Com relação à estória, fico entre ParaNorman e Detona Ralph.
    Música, torço para a Adele. AMEI a música dela para o 007!
    Vamos ver se consigo assistir 1 ou 2 dos que ainda não vi antes da premiação…

    • Essy Says:

      2. Também não estava esperando muito do filme, achei que seria mais uma dramédia bacana, mas só isso. Não estava esperando toda essa atenção para o filme no Oscar. Fiquei bem surpreso!
      Marion tá meio queimada por sua morte vergonhosa em #TDKR. Eu acho. Tinha até Tumblr de gente imaginando a famosa cena do seu suspiro final e língua para fora no filme, rs. Uma pena, mas tirando isso, acho ela ótima!
      Jennifer merece mesmo. Tem pego uns papéis bacanas, transitando bem em vários gêneros. Tenho acho ela ótima desde que apareceu, em outro indicado ao Oscar no passado recente.

      Achei que eu fosse gostar mais de “Frankenweenie”, mas só gostei. Com “Brave” foi a mesma coisa, apesar da qualidade da animação impressionar mesmo. Os outros ainda estão na minha lista e quero ver todos!
      Adele em “Skyfall” foi o casamento perfeito indeed. Acredita que não vi o filme ainda? Que James Bond não nos ouça. BANG!
      Pior que a gente vai apelar, porque tem coisa que não vai ter passado por aqui ainda antes da premiação, tipo “Les Mis”. Humpf! (algo que sempre acontece e acho super injusto!)

      • Denise Says:

        Pois é, a Ana Maria Bahiana, no blog dela, dá a entender que o filme está sendo superestimado. Acho que, no fim das contas, as indicações refletem o gosto dos votantes. Aí se o filme agrada mais gente, acaba sendo indicado…
        Não assisti Skyfall tb! Estou roendo as unhas de ansiedade, mas não tem ainda pra baixar…

      • Sara Says:

        Pessoalmente meu figurino favorito esse ano foi o de “The Paperboy” conseguir acertar um figuro que se passa entre as décadas de 60/70 sem parecer uma caricatura da época ou que a figurinista comprou tudo em uma loja de fantasias é complicado. Eo filme ainda têm uma fotografia muito saturada o que dificulta mais as coisas.

      • Essy Says:

        Não reparei em todos eles ainda, mas conseguir trazer uma época mais próxima da nossa realidade sem deixar todo mundo com cara de festa a fantasia, já é um grande feito mesmo.

      • Essy Says:

        Nisso tudo, tem um pouco daquela implicância clássica com atores muito bonitos. No caso do Bradley é pior ainda, porque ele veio da TV e seu papel mais conhecido foi em uma comédia. Mas ainda assim, acho que o filme não chamaria tanta atenção se fosse apenas mais uma bobagem.
        Veremos…

  2. Sara Says:

    Meu diploma me obriga a dizer que nenhum dos figurinos é primoroso. Anna Karenina vai ganhar, Jaqueline é incrível. Mais é um figurino esperado, sem surpresas. Esperava um pouco mais de ousadia mesmo pra época que filme é ambientado.
    Também voto em Valente a beleza do filme é uma coisa incrível, por exemplo, repare do vestido de seda azul da Merida como ele se movimenta com os movimentos dela, como reflete a luz do ambiente com perfeição.

    • Essy Says:

      Também acho que ganha, porque tem cara de figurino de Oscar. Os filmes de outras épocas, acabam sempre ganhando nessa categoria. Quando fazem algo mais próximo dos dias de hoje, fica tudo muito monótono, contido, e aí não “salta” os olhos, que é o que eles sempre procuram.
      “Brave” é sem dúvidas um avanço para animação. Mais ou menos com o foi “Monstros S.A” ou “Procurando Nemo” no passado. Lindo! E ela é a nossa representante ruiva da vez! (vou prestar atenção no vestido)

  3. Sara Says:

    Assisti “O impossível” ontem E é um puta sacanagem não ser indicado em edição e mixagem som. Sério o som do filme é incrível, parece que você está naquele lugar o tempo todo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: