Posts Tagged ‘3×13’

E ae Patty Hewes? Valeu a a pena?

Abril 24, 2010

E como valeu hein? E o silêncio de Patty Hewes que respondeu a pergunta de Ellen (título do post) foi a forma mais digna de encerrar a temporada e talvez a série (se ela não tiver mesmo mais salvação), porque o ep funcionou muito bem como um series finale se esse for realmente o caso e pode ter encerrado a série como ela realmente merecia, com o nível mais alto possível. E se vc não assistiu ainda ao episópdio “3×13 The Next One’s Gona Go In Your Troat…” eu aviso: Big Spoiler!

Se Damages será cancelada ou não isso já não importa mais. A série é tão boa e tão superior as demais (e vc pode incluir aqui qualquer uma das séries atuais) que o seu nível é alto demais, mesmo sendo compreendida por poucos, que conseguem ficar grudados na tela enquanto Damages esta rolando porque vc não pode perder nenhum segundo da série onde um turbilhão de informações são jogadas na sua cara a cada episódio e se vc se distrair, talvez não consiga entender o que ainda esta por vir. Série inteligente, com o melhor elenco ever e com uma equipe invejável. Coisa phina! Eu fico até com orgulho de ter acompanhado essas 3 temporadas que já foram produzidas até então e mesmo com o possível cancelamento de uma das melhores séries de TV de todos os tempos eu não fico mais tão indignado assim afinal, Damages cumpriu o seu papel, onde teve começo, meio e fim impecáveis. Merece ir para o santurário com status de série báfu.

Damages não deixou a desejar em nenhum momento. Todos os episódios que acompanhamos nessa Season 3 deram um nó em nossas cabeças, com cenas do futuro (6 meses a frente do presente), com Tom sendo assassinado já no primeiro episódio, Patty tendo os seus pesadelos constantes com o cavalo e muito sangue e Ellen se complicando com sua bolsa Chanel (presente de Patty) também manchada de sangue, sem contar o acidente de carro de Patty. No final, ficou tudo muito bem explicado, cada detalhe e o melhor é que tudo passa a fazer sentido e eles coseguem realmente esclarecer as nossas dúvidas com respostas nem um pouco clichês ou óbvias.

Os personagens ficaram ainda mais profundos, as histórias ainda melhores e os mistérios foram todos aproveitados e não de uma forma tola, como estamos acompanhado em Lost por exemplo (shame on you). Alias, se a série tivesse sido cancelada antes, eles (os produtores de Lost) bem que poderiam ter aproveitado a produção de Damages, que esses sim, sabem amarrar uma história como ninguém!

Até a história do Frobisher que parecia meio distante de tudo o que estava acontecendo na série atualmente, acabou fazendo um total sentido, torando assim a sua prisão uma cena linda de se ver.

Não entendi muito qual foi a função do ex namorado morto da Debby de Dexter na série de Patty Hewes, se ele era só um fantasma do passado mesmo, ou se ele era real. Nem tudo é perfeito. Mas acho que talvez se a história tivesse uma continuação, isso certamente seria explicado.

E eles enganaram a gente direiteeenho com a cena da pessoa que pulava da ponte hein? Todo mundo achando que era o Tom, quando na verdade foi a mama Toben, se suicidando por não aguentar lidar com a total destruição da sua família, em parte por sua culpa inclusive. E que atriz boa, não?

Mas que família hein? Ew! Joe Toben sempre foi o cara fraco da família, viciado, inconstante. Fez todo o sentido ele ser o grande responsável por tudo o que levou até a fraude do seu pai, até o fato dele ter se tornnado o grande vilão da história. E assassino neam? Convenceu a irmã a matar a amante do seu pai (e sua ex amante tmbm) coisa que até mesmo ele pensou em fazer no começo da série e até chegou a atropela-la. Mandou matar sua própria filha (ainda sem saber que tratava-se de sua filha, mas sabendo que ela seria sua meio irmã) e no final, ainda foi o responsável pela morte de Tom. Canalha!

Agora o Tom sendo morto afogado na privada foi demais pra mim. Fiquei com muita pena dele. O cara conseguir sair do Brooklyn, chegar até a sua casa, todo cagado e para o seu azar, o bêbado e descontrolado Joe Toben já estar a sua espera é muita sacanagem neam? Mas Tom morreu dignamente e resistiu até o fim para tentar resolver o grande problema financeiro do qual até a sua família foi vítima graças ao esquema Toben. Foi triste, mas valeu a pena Tommy.

E o advogado canasrtrão do pai golpista hein? Esse foi o único mistério que eu consegui resolver durante a temporada. Estava na cara que ele era tão golpista quanto o seu pai.

A única coisa que eu não gostei muito mas entendi, foi a história do pesadelo da Patty. Toda aquela história do aborto pra mim ficou tão no passado que eu achei que nem apareceria mais. Mas okayam, eles resolveram esclarecer isso tmbm, já que esse pode ter sido o final da série. Mas acho que poderia ter sido algo mais rápido e com um destaque menor. Mas em Damages esse clima de suspense e quase de terror é tão característico, que funciona muito bem, mesmo quando desnecessário.

Ótima vingança de Patty Hewes com a mulher do filho dela hein? Vai achando que vc vai enrolar assim tão fácil alguém como a Patty, vai…sua tola!

E seu filho revoltado foi o responsável pelo acidente de trânsito da mãe…e o melhor foi a cara da Patty quando ela viu que seu filho foi o responsável pela batida. Cool!

Glenn Close é muito “atrizona” neam? Seu silêncio, seus olhares e cada carão dela me dá até um arrepio. Já declarei aqui que eu tenho medo da Patty Hewes (e tmbm porque ela foi a Cruella neam? rs) e ao mesmo tempo sou fã incondicional dela. Trabalho impecável como atriz, que justifica cada indicação pelo seu brilhante papel na pele de Patty Hewes. E mesmo não sendo o centro das atenções dessa temporada, que ficou por conta dos personagens secundários, não tem como não dizer que Damages é a série da Patty Hewes. E não tem pra mais ninguém!

No final, Ellen não sabe direito se quer mesmo ser igual a sua “mentora”, mas que a sua admiração será eterna por alguém tão incrível como Patty Hewes, isso será! Linda cena inclusive.

E de uma forma brilhante e quase impecável, Damages pode ter encerrado a sua história da melhor forma possível, nos presenteando com 3 temporadas de tirar o fôlego de tão boas. E eu me declaro totalemnte satisfeito com a série. Se esse for o seu fim, que assim seja. Digno. Clap Clap Clap!

E ainda teve uma trilha sonora excelente ao final do ep, o que quase nunca acontecia na série.

Mas, se os boatos se confirmarem e a DirecTV conseguir salvar Damages do seu cancelamento já anunciado, eu confesso que vou ficar muito feliz e participar da queima de fogos com a Claudia Croitor do Legendado.

Chuck finalmente conseguiu a sua merecida viagem para Paris

Abril 15, 2010

Excelente episódio hein? Com cara de season finale, o que seria de fato antes da NBC emcomendar mais alguns episódios da série e por isso tantos acontecimentos em um único episódio. Spoillers!

“3×13 Chuck vs The Other Guy” foi sem dúvidas um dos melhores eps da série de todas as suas temporadas e o outro cara além de tudo era o Superman neam? Zzzzz

Eu cheguei a dizer, inclusive aqui no Guilt que achei muita sacanagem quando no ep em que Chuck teve a sua primeira missão solo e que aconteceria em Paris, no final das contas a general acabou pedindo para que ele voltasse imediatamente para a LA e Chck só pode ver a Torre Eiffel pela janela do avião.

Dessa vez as coisas foram diferentes e Chuck se viu em uma das maiores missões de sua vida, a de proteger Sarah.

Mas antes disso…o que foi a cena do Chuck bebado e jogando Guitar Hero hein? Rolei

E foi tmbm a sequência para Sarah admitir que se apaixonou por Chuck, foufo mil.

E estava na cara que o Shaw estava mega envolvido com a aliança hein?

Nunca me enganou, mesmo porque ele só aprendeu a fazer uma cara no curso de teatro do Wolf Maya, prontofalei

Casey recuperou o seu cargo na CIA

Morgan que é um dos meus personagens preferidos ever foi aceito e agora faz parte oficialmente da operação Bartowski e eu só posso imaginar coisas boas vindo dessa parceria, que sempre foi excelente.

Agora Chuck em Paris tendo que quebrar o seu próprio código de honra para salvar a Sarah foi muito legal. Acho ótimo quando Chuck aparece mais fodão, mas nada que se compare com o quanto eu gosto da sua personalidade de nerd loser. Um dos melhores representantes da categoria, fatão.  E quem foi que disse que no final os grandalhões sempre ficam com as garotas hein?

E no final, a primeira noite de Chuck e Sarah com Paris ao fundo não poderia ser mais perfeita!

Ainda não assisti o ep dessa semana, mas espero que Chuck seja renovada e garanta a sua Season 4 porque desde o começo da atual esta merecendo e muito a sua nova temporada.


%d bloggers like this: