Posts Tagged ‘Alexander McQueen’

MET Ball 2012 – A noite em que todas se vestem especialmente para o Diabo

Maio 8, 2012

E by Diabo, eu quero dizer a Anna Wintour (que estava de Prada, claro) em pessoa e o seu eterno corte chanel, anfitriã e organizadora do evento, que esse ano abriu a exposição “Schiaparelli and Prada: Impossible Conversations” (e beijos para Keyloca e Tarcisio, meus professores antigos de história da moda, da arte e história contemporânea, que me ensinarm tudo sobre Schiaparelli e a Belle Époque. Depois, há quem ainda acredite no esterótipo preguiça de estudante de moda que encontramos por ai. Humpf!)

E noite de baile do MET é certamente um dos red carpets mais concorridos ever. E com toda essa concorrência, todas elas ficam desesperadas para deitar uma com as outra neam? Celebridades e estilistas, diga-se de passagem.

Esse ano o baile não teve muitas surpresas (como quase tudo ultimamente), mas é claro que como qualquer bom red carpet que se preze, nos rendeu algumas lições importantíssimas. Então separe o Moleskine e anota ae:

 

Preto é a escolha certa da vez, mais uma vez e outra vez

Sim, elas continuam apostando no pretinho. Mas tem que ser longo, ter algum poder e não ser nada básico.

Dzél estava corretíssima nesse Givenchy. Correto, mas nada demais também, apenas um pretinho ok.

Mas quer saber quem parou tudo mesmo, também investindo no fundamento Gyvenchy de ricah bem ricah?

Beyoncé. PÁ!

Que foi com esse Givenchy de quem tem mais condição, com transparência + renda + bordado + essa cauda que é simplesmente maravileeeandra!

Seguindo o mesmo fundamento poder da Beyonce, tivemos Marion Cotillard, bem linda nesse outro modelo pretinho cheio de fundamento by Christian Dior.

Lembrando que as duas foram mães recentemente e já estão lindas assim… (e a culpa daquele nosso pneu fica para quem mesmo? PÁ!)

O modelão Prada da Kate Bosworth também segue o mesmo fundamento dos dois anteriores, só que em uma versão curta e com as cores invertidas. Também maravileeeandro!

E o make dramático com boca escura?

Hit da noite. Anotem.

Cate Blanchett  estava linda, linda, leeeandra de Alexander McQueen.

Não é o meu tipo de vestido preferido, mas certamente foi um dos mais maravileeeandros da noite.

O dia em que a Rihanna conseguiu nos fazer lembrar que ela é linda. PÁ!

Tá vendo como ela consegue? E olha que pela simplicidade, nem precisou se esforçar muito nesse Tom Ford até que bem simples.

Para provar que a nossa birra com ela não é nada pessoal. Maravileeeandra!

Mas pensando bem… será que isso tem a ver com rumores obscuros de que ela estaria desfrutando da magia sueca mais cobiçada desde os hits do Ace Of Base? Hmm mmm…

Aguardando confirmações para considerar LUTO total. (#TENSO)

Todas ♥ Grace Coddington (tmbm de Prada)

MUSE!

Tenho que dizer que eu fiquei morrendo de orgulho do look da Amy Poehler, Sério!

E olha que um preplum para a altura dela, foi uma escolha bem arriscada. Mas ainda bem que deu beeem certo.

E ela não só acertou no look, como também na cor do cabelo (gosto muito mais assim, com esse loiro mais fechado) e no fundamento, que ficou maravileeeandro!

Sem contar o seu acessório poder , o marido Will Arnett, capaz de animar qualquer mesa neam?

#ORGULHODEFINE

 

Se for para investir no fundamento exótico, #TEMQUESEGURAR!

E essa dica vale para a Rooney Mara, que não pareceu estar assim muito confortável de calçola de fora nesse Givenchy de renda transparente.

O que não deve ser muito fácil mesmo, mas se essa foi a sua escolha, #TEMQUESEGURAR!

Tipo o Marc Jacobs, que foi de vestido rendando, transparente e de cueca branca (sim, BRANCA!) e que mesmo assim segurou muito bem o seu próprio fundamento. PÁ! (embora eu não ache um look bacana…)

Ou como a Christina Ricci, que segurou com orgulho esse look Thakoon, totalmente meio assim.

 

O poder do brilho metalizado

Carey Mulligan também estava cheia de condições, com esse Prada metalizado que era puro fundamento & poder, que eu não consigo parar de imaginar o quanto deve custar na ludjeeenha. $$$ Catching!

Zou bisou bisou … Zou bisou bisou (não consigo vê-la sem lembrar do hit e aposto que deve ser uma piadinha recorrente em sua vida)

Jessica Pare, que também investiu no metalizado e foi de dourado by L’Wren Scott. Estava linda, mas eu não acho que a cor a favoreceu tanto assim… (imagino ela parando tudo em um verde, por exemplo)

E o que o metalizado da Carey Mulligan tem de fundamento, esse da Nina Dobrev  tem de poder. Maravileeeandro, não?

By Donna Karan Atelier

 

Preplum, a tendência do momento (que não é para todas)

Uma tendência que não é para qualquer uma e nessa edição do baile do MET, a Sofia Vergara até que enfim saiu da sua zona de conforto dos vestidos com rabo de sereia preguiça de sempre e optou pelo fundamento preplum da Marchesa , que com o seu corpão todo em dia, ficou ainda mais maravileeeandro!

E que boa noite para as irmãs Knowles, hein?

Primeiro a Beyoncé me apareceu deitando todas no seu Givenchy bem de rica e agora a  Solange Knowles, com esse preplum amarelo maravileeeandro by Rachel Roy, vestido que certamente iluminou a noite.

E o cabelão cheio de volume? PÁ!

E a Elizabeth Banks, hein? Confundiu a vida real com o seu personagem de “The Hunger Games”?

Nesse caso, achei esse preplum da Mary Katrantzou, bem bem difícil…

Não sei quanto a vcs, mas eu ficaria esperando alguma coisa cair a qualquer momento dessa parte levantada na frente.

#NAOTABOMNAO

Cadê a postura?

Cadê o poder?

Cadê o Ryan Gosling?

Além do quadril dela ter ficado muito maior com esse preplum da Prada na cor do momento (ponto positivo), a pergunta que não quer calar é: cadê o Ryan Gosling? (eles ainda estão juntos? Qual a vantagem de se namorar um Ryan Gosling e não sair o exibindo por aí? Resposta: a vantagem é o próprio Ryan. Höy!)

#NAOTABOMNAO

 

Tangerina

A cor do momento: tangerina.

Uma pena que nem todas que optaram pela cor conseguiram acertar no fundamento… Fom forom fom fom

Salvo apenas a Ginnifer Goodwin, que nem estava com um vestido tão poder assim (e cadê o príncipe?), mas mesmo assim estava maravileeeandra.

By Monique Lhuillier 

Kristen Bell , que só acertou na cor… by Tommy Hilfiger.

#NAOTABOMNAO

Katharine McPhee também só acertou na cor… (by Elie Saab)

E como ignorar esse peito todo espalhado na lateral?

#NAOTABOMNAO

E a Leighton Meester, que não foi de tangerina, mas estava meio tangerina ela mesmo neam?

O que aconteceu com Blair, hein garota do blog?

 

Florais de ricah bem ricah!

Bee Shaffer (a filha da Anna Wintour) que não poderia ser nossa amiga jamais… nesse “efeito floral” maravileeeandro by Erdem.

E digo que ela não poderia ser nossa amiga jamais, pelo simples fato de estarmos em sua companhia e alguém chamar “Bee” e todas olharem confusas ao mesmo tempo, sem saber exatamente quem estaria sendo chamada.

Euri

Rashida Jones, que também estava maravileeeandra no fundamento floral de ricah by Tory Burch.

Mas o melhor da Rashida é esse nome neam?

Eu não consigo chamá-la de Rashida e sempre solto um “Rashilda”. Acho mais sonoro, rs

E a Sarahjay que foi toda num print só?

Achei ousado…

E esse cabelo é sempre um acerto neam? PÁ!

By Valentino

 

Aquelas que não estavam em um bom dia…

Diane Kruger, que além de ter deixado o Peter Pacey em casa (Boo Hoo!), o que já é sempre um ponto negativo, deixou também bastante do seu fundamento esquecido em algum outro lugar, não?

Preciso dizer que eu sou fã de um peitinho honesto, mas com esse cabelo solto e essas plumas, imprimiu que ela estava de camisola…

By Prada

#NAOTABOMNAO

Achei arriscado, achei corajoso, achei o sapato ótimo, mas #NAOTABOMNAO

Mas continuo querendo ser o seu BFF tsá, Chloe Sevigny? Desde “Kids”…

By Miu Miu

Muah!

Duas coisas:

1) O que aconteceu com a cara da Jessica Biel? Seria a franja o problema? Ou ela mexeu nessas maçãs, já que dizem que eles vão se casar em breve e nessa hora bate o desespero? (e na Itália, tsá?)

2) E que vestidinho mais simplezinho (Prada) e com a barra mais pavorosa é esse? Mas nem que esse bordado em verde fossem esmeraldas…

Mas tudo bem, nada que o sorriso foufo do Justin não desvie as nossas atenções. E se ele começar a cantar no falsete e sair dançando daquele jeito, esquecemos até o nosso próprio nome e somos capazes de perdoar qualquer coisa… (euri)

Rachel Zoe que de tão magra, parecia mais uma franja do seu vestido de franjas de cigana by Rachel Zoe Collection.

#NAOTAMBOMNAO

 

Enigma Xonas Brothers

Temos 3 Xonas Brothers. 2 deles foram de tux fosco e um todo no cintilante. A pergunta é: qual deles possivelmente significa?

Tempo…

 

Look figurino de época

Já cansei de dizer que tem que tomar cuidado quando for investir no fundamento antigo, pensando sempre antes no combo make + cabelo, para não ficar com cara de figurino de época.

Como a Kirsten Dunst, que mesmo de Rodarte (que a gente AMA), imprimiu (muito pela postura) que ela estava pronta para interpretar uma versão da Chanel, só que loira. Só faltou as pérolas e o cigarrão na mão.

#NAOTABOMNAO

Ou a Jessica Chastain, que estava parecendo mocinha de filme Westen.

Bota um chapéu na cabeça com umas plumas e uma piteira na mão, que ela se torna a própria.

By  Louis Vuitton

#NAOTABOMNAO

Lily Collins, sabe figurino de fantasma de filme de terror de época? Então…

E palmas ao contrário para a Coco Rocha, que conseguiu cometer o crime público de acabar com um look que já foi da Liz Taylor no passado.  Tpalc Tpalc Tpalc! (que são as nossas palmas ao contrário, rs)

Desconsiderando até o fato de que ela é uma chata sem tamanho, eu bem acho que só por esse crime, ela deveria ganhar pelo menos uns dois fantasmas para acompanhá-la pelo resto da vida. WOO!

E cuidado, estou vendo pele demais nos pés e no colo. Aposto que ela vai reclamar depois em seu Tumblr…

Uma pessoa que eu ADORARIA que tivesse um vlog: Coco Rocha. Imaginem tudo o que ela não tem para reclamar? Zzzz

 

Medusa?

Já passou da hora de alguém estender o braço para tirar a Mary-Kate Olsen desse buraco negro de onde ela se enfiou já faz tempo e nunca mais saiu, hein?

Ainda mais agora, que ela tem coragem de sair de casa até com esse cabelo de Medusa medonho!

#NAOTABOMNAO

 

E quem se importa?

E quem se importa com o vestido coral da Emily Blunt (que diga-se de passagem, está com o corpão totalmente em dia) quando ela chegou na festa carregando o acessório poder que atende pelo nome de John Krasisnki?

Höy!

ps: como não amar a bee mediúnica ao fundo? Das duas uma, ou ela estava mentalizando o Krasinski em um momento mais interessante (Höy!) ou ela estava tentando deitar com o look de alguma delas. Xocotô!

E quem se importa se a Emma Stone estava vestida de boneca no MET Ball 2012, quando ela me aparece assim, acompanhada do Alber Elbaz?

Höy!

E quem se importa com a Claire Danes (todas se importam na verdade. Chega logo Setembro, chega logo Season 2 de Homeland!) maravileeeandra e toda de branco, quando ela levou o seu boy magia Hugh Dancy?

Höy!

E quem se importa com a Florence, que deixou a sua Machine em casa e foi toda bufante  by Alexander McQueen ao baile desse ano?

Afinal, ela pode. Ela é quase uma entidade. Uma fada na verdade.

E quem se importa com esse post gigantesco que finalmente chegou ao seu fim? Zzzz

A maravileeeandra despedida temporária do hotel Ritz em Paris

Março 22, 2012

O histórico e adorado hotel Ritz em Paris vai fechar as portas para uma reforma que deverá durar dois longos anos e como parte dessa despedida temporária, ganhamos esse editorial maravileeeandro da Vogue da Anna Wintour de Abril, trazendo a Kate Moss em fotos de perder o fôlego by Tim Walker. Para deixar todo mundo sonhando com um dia de ricah bem ricah.

Detalhe que ela só veste haute couture: na ordem, Chanel, Balenciaga, Dior, Givenchy, Armani, Giambattista Valle, Alexander McQueen, Dior novamente e para finalizar esse sonho, vestido e chapéu Alexis Mabille.

E quem terá coragem de dizer que a primeira imagem  não é retrato do sonho de consumo de todas? (pelo menos um deles?)

ps: e essa espuma que é cor de algodão doce c-o-r-d-e-r-o-s-a hein? Ai ai…

Uma coleção fluffy e que dá vontade de abraçar

Março 13, 2012

Sarah Burton e a sua coleção super fluffy que dá vontade de abraçar para o Fall 2012 do Alexander McQueen.

Cores, shapes e volumes deliciosos. Tipo sonho!

#FLUFFY

MET Ball 2011: muito tecido de ricah, muito constrangimento e a queda de vários mitos

Maio 4, 2011

E rolou nessa segunda a festa mais aguardada do ano: o baile do MET! Para 2011, o Metropolitan Museum of Art de NY usou a festa celebrar a abertura da exposição “Alexander McQueen: Savage Beauty” em homenagem ao trabalho do estilista. É claro que todas compareceram (até a minha mãe foi ao baile, o que causou uma briga em família, fikdik), algumas bem equivocadas, outras simples demais e eu só tenho uma coisa a dizer: quem é rica mesmo foi de McQueen! E nada de vestido emprestado não, acervo próprio.

E o melhor de algumas fotos é o que esta acontecendo ao fundo, fiquem atentos…

Sem dúvidas, o casal mais leeeandro e fundamento da festa.

E é claro que com o season finale de Fringe sendo exibido nessa próxima sexta, eu fico completamente tendencioso, rs.

Höy!

Outro casal que na verdade é claro que não é um casal, mas que roubou a cena com o  fundamento YSL foi Florence Welch e o  Stefano Pilati.

Chegar com o Stefano em qualquer lugar desse mundo é muita riqueza. Me veste Stefano? Me cobre de YSL? Höy!

Hugh Dancy e Claire Danes sempre chamam a minha atenção. Höy!

Mas como ela foi simples demais, perdeu o prêmio de casal magia. Fom forom fom fom

Não disse que quem é ricah de verdade foi de McQueen?

Hamish Bowles e Daphne Guinness. Höy!

Achei a mesa que eu queria estar sentado: Poehler/ Arnett

Imagina o que não saiu de piadas excelentes dessa mesa?

ps: não gostei do make da Amy. Mas é toque de amigo tsá? E não um chocho…

Agora vamos começar a falar dos casais mais preguiça da festa…

Caleb, vamos liberar essa verba?

A sua mulher foi de camisola, é isso mesmo? Vamos desapegar do jabá da marca de lingerie e investir no fundamento, hein Lilly preguiça?

Zzzz

Come on Gisele! Vc namora o capitão do time de sei lá o que (e 30 Rock vive fazendo piadeeenhas sobre a esposa do Tom Brady, rs), vai de McQueen vermelho e me dá esse beijeeenho sem graça?

Nunca! Jamais! Never! Tem que dar beijão, tem que ter língua, tem que ter pegação meodeos!

Perdeu a  chance de dar um tapa na cara da sociedade, perdeu…

Agora vamos falar dos looks que o Guilt aprovou, ok?

Vários tapas na cara da sociedade, preparem-se:

MKay (sim, eu só chamo ela assim agora), que foi de Givenchy vintage e parou tudo no ciganismo chic. PÁ!

Liv Tyler que se arriscou um pouco mais nesse Givenchy poder, com plumas, recortes e que eu amei a cor, mas muita gente não gostou. PÁ!

Michelle Williams que foi de Miu Miu cheio de andorinhas foufas e  douradas e de quebra ainda ganhou uma aparição do Sir Paul ao fundo da sua foto. PÁ!

Eva Mendes de Stella McCartney poder. Juro que talvez a foto não tenha favorecido tanto, mas acreditem em mim, era báfu (tipo,  até parece que eu estava lá neam? Será que vende na C&A? Cuém!). PÁ!

Meosonho é ser BFF da Milla Jovovich, que me parece ser bafoneira e sai sempre com cara de colocada nas fotos.

Um curto lindo, mais eu teria investido em um longo, fikdik

Vou aprovar pq quero forçar essa amizade, rs. PÁ!

Rosario Dawson foi com aquele decote poder que várias sempre apostam e depois tem que se contorcer toda na foto para imprimir o fundamento. Euri.

PÁ!

Brooklyn Decker representa aquela sua amiga maravileeeandra, que em 20 minutos fica pronta e leeeandra, enquanto vc ainda esta colando os cílios postiços do lado direito, de roupão, rs.

A cor mais linda da noite e nada óbvia. PÁ!

Vou ser bem Paul-Lêmico agora hein? Não é que eu gostei do modelón da Vandeeenha? E olha que não é a minha modelagem preferida, hein?

Sim, achei fundamento, achei luxo e riqueza e achei que o fotógrafo tentou fazer a maldita e jogou aquele flash especial só para ver se o tecido era transparente. Queéqueé, nunca ouviu falar de forro não seu cafona?

PÁ!

A hora que todas choram: a triste queda de alguns mitos…

Emma Stone  vc pode até me dizer que esse modelón foi feito pelo meu own MUSE Alber Elbaz, mas se ele não pintou a mão todas essas rosas no seu vestido, eu não vejo o porque da escolha…

E o cabelo? Alguém me explica?

CATAPLOFT!

Até me corta o coração, mas Alexa Chung foi muito simplezeeenha neam?

Mesmo eu achando que ainda tem algum poder no look, a invejosa atrás na foto (com vestido combinado com a bolsa. Zzzz) não perdoou e lançou o seu olhar maligno da reprova…

CATAPLOFT!

Outra que caiu no meu conceito:  Chloe Sevigny

Porque neam?

E o pior, ainda foi humilhada com um look de gravata mais fundamento e poder…

Chloe engolindo seco o peso de ser esmagada por um look Chanel da Freida Pinto (meio assim tmb, mas…). CATAPLOFT!

Madonnão vai ficar na fronteira entreo o aceitável, o eu esperava mais e o #NÃOTABOMNAO

Pelo menos ela teve senso de humor e resolveu mostrar quem é a estrela com seu Stella McCartney, neam?

Vamos  agora à lista da reprova, do constrangimento geral, das “toooodas cagada” da noite…

Para ler, rir e gritar: #NAOTABOMNAO

Rihanna foi de Rapunzel From Hell, mas tenho certeza que se vc gritar lá de baixo “Jogue suas tranças Rapunzel!”, vai acabar com 97 cm de aplique barato na mão.

#NAOTABOMNAO

Diz que a Beyonce chegou e saiu pulando com esse Pucci e o pior é que geral copiou os passos porque todas pensaram que era o novo “Single Ladies”, euri

Na categoria sereia, Christina Ricci estava melhor. Sorry honey B

#NAOTABOMNAO

Blake Lively não ficou bens fazendo a indiana ricah by Chanel

#NAOTABOMNAO

Eu acho imperdoável que a dona do degrau mais alto do MET, Blair Waldorf em pessoa me apareça assim no seu próprio território.

Yogurte nela!

#NAOTABOMNAO

Alguém peloamor fala para a Christina Hendricks que ela é maravileeeandra e não precisa se auto sabotar em tons de diarréia?

Thnks!

#NAOTABOMNAO

E tem gente que ainda tem dúvida do pq que a MKay é a nossa gêmea Olsen preferida…

Responde ae Ashley, sua cafonona…

#NAOTABOMNAO

Parece o mesmo vestido que ela usou no Oscar, hein?

Não gosto de gente que aposta no mesmo…Zzzz

#NAOTABOMNAO

Simples demais esse seu Dolce & Gabbana, viu Chanel Iman?

#NAOTABOMNAO

Nicole Ritchie eu achei de uma preguiça enorme…mas essa foto me revelou algo e por isso eu grito: MOMENTO DENÚNCIA GUILT!

Oqueéqueaminhaownmãe estava fazendo no MET? E o pior, nem me chamou para ir de acompanhante? SACANAGEM DA GROSSA!

Juro, aquela senhora de cabelo curto ali no fundo é a cara da Senhora Essy, vulgo, Mommy! E suspeito ela esta de cabeça baixa hein? Muito suspeito…

Que velha safada! Amanhã não percam o programa Casos de Família, onde eu vou aparecer exigindo explicações de Lady Essy, ahhhh se vou!

#NAOTABOMNAO

Querida Demi, se vai investir no chapelón da missa de domingo, tem que segurar neam?

Sorriso amarelo não vale. Faz valer o clareamento da época das Panteras, faz!

#NAOTABOMNAO

Sarahjay, esse McQueen não foi feito para vc.

Se guardou a tag, vale a pena devolver…

#NAOTABOMNAO

O mesmo vale para vc Salma Hayek, fikdik

Acesse: tudonomesmotom.com

#NAOTABOMNAO

O mesmo também vale para esse Chanel da Anna Wintour, que é puro luxo e riqueza, mas que não foi feito para ela.

E o Andre Leon fazendo a formanda lá no fundo hein? Vai ter batizado Andre? Cuém!

#NAOTABOMNAO

Gente? Não vou comentar nada sobre uma pessoa visivelmente com problemas neam?

#NAOTABOMNAO

Estou criando um ódio dessa Rashida Jones. Como se não bastasse ela ser a ex do Andy em Parks And Recreation, eu que estou assistindo atualmente a season 3 de The Office, tenho que dar de cara com ela encarando o Jim toda hora no escritório. Não neam?

E o nome não poderia ser mais apropriado…

#NAOTABOMNAO

Não. Não pode ser a s Kirsten Dunst?

Sim, é a s Kirsten Dunst, humpf!

Gente, o que explica algo desse nível?

Uma mulher que já foi rainha deveria aparecer no mínimo com um coque banana antigo cheio de passarinhos e flores, o mais alto da noite, não?

Sinto verhonha por vc s Kirsten Dunst…só não vai levar o prêmio de pior da noite pq eu tenho uma passado cinematográfico de respeito com vc e tmbm porque temos sempre alguém pior, não?

#NAOTABOMNAO

Sofia Vergara deveria ter pedido algo do figurino da Gloria emprestado, fikdik

#NAOTABOMNAO

Advinha só quem foi de beige? Taylor Preguiça Swift…Zzzz

Sorry, só de falar no nome dela já me da um sono danado…

O Guilt mais do que apoia a inclusão das travestis na high society. Quequeé? Tô paganu…(euri)

E esse travestismo toda da Iman me lembrou que chegou a hora de descontrair esse post gigantesco de 5467844 bilhões de zilhões de fotos…

Antes da continuação final desse post, vamos a um pequeno Quiz, só para distrair:

Se vc estivesse na festa do MET, para qual desses garçons vc pediria uns bons drink? 

A) O professor prafrentex de Glee?

B) Bruno Volta para Mars?

C) Chace (Tisc tisc, Cindy) Crawford?

Resposta: Dentre as alternativas acima, o melhor mesmo é pedir para o professor, que vai fazendo coreô e volta com o seu Cosmopolitan cantando a cappella. Pedir para o Bruno seria arriscar muito pq vai saber o que ele esconde dentro dessa moita neam? E o Chace já estava tendo o seu castigo, que seria o de passar a noite toda preso dentro dessa tuxedo, quando na verdade todas sabem qual era o seu verdadeiro desejo…

Mas como o Quiz é meu, eu que inventei e por isso posso quebrar as regras e ou trapacear, eu votaria na opção abaixo:

D) Letra “d” de? De “Dá o fora daqui sua sem sal e vai me trazer os meus bons drink!”

E enquanto isso, ficamos na companhia dos designers magia. Pq não adianta nada gastar pencas de telefone ligando na assessoria para garantir o modelón poder e esquecer do acessório principal, que é um boy magia para segurar a mão na hora de encarar aquela escadaria toda do MET neam?

Mas voltando à  interminável lista, chegou a hora que todas esperam em dia de festa: a chegada da noiva! 

E não é que foram várias? Tipo casamento comunitário, euri

Teve noiva clássica by  Serena Williams. CAFONA!

Teve noiva mais ousada e desesperada que já passou dos 30 faz 2 décadas (rs), do tipo que só avisa o noivo sobre o casório no dia.

CAFONA

Teve noiva teen que veio de curto e acinturado para esfregar na cara da sociedade o seu corpão pós parto.

Como se não bastasse ela esfregar o Orlando Bloom na nossa cara neam? CAFONA!

E teve até noiva étnica, com o modelón pavoroso escolhido pela sempre simpática (NOT!) Naomi Campbell, que por sinal, passou tempo demais nas mãos dos cirurgiões brasileiros hein?

O que vc fez com a cara de Naomi, hein Dr Ray?

Euri

Para finalizar, os dois grandes campeões da noite: melhor e pior modelón do MET 2011:

Anna Dello Russo parando tudo com o seu McQueen que a Lady Gaga usou na Vogue e um ovo na cabeça. Pergunta: #TEMCOMONAOAMAR?

Uma pessoa que tem essa coragem, esse humor, merece ser canonizada neam?

ps: e a foto com moldura e tudo eu robei do site dela mesmo, tsá? Me leva pro Japão Anneeenha!

Parô tudo Dello Russo! MUSE!

E como a pior da noite, ela: J-LOKA! Cuzes!

O melhor dessa foto, muito mais do que o desastre total do look, é a cara de quem esta finalmente entendendo o vexame que esta passando devido a sua péssima escolha…

_ Agora tudo faz sentido pra mim. Todas aquelas vaias, todo aquele chocho. Aquela bicha me enganou hein? (legenda do pensamento de J-LOKA)

Karen Elson, Caroline Trentini, Coco Rocha e Raquel Zimmerman, todas usam McQueen!

Abril 26, 2011

Obras de arte maravileeeandras, não?

Ai ai…que saudade que a gente sente de gente talentosa neam? Humpf…

Editorial assinado pela muse Grace Coddington para a Vogue US de Maio, by Steven Meisel

Born This Way – o video: muito fundamento para pouco espaço

Fevereiro 28, 2011

Alexander McQueen e a sua última coleção (aquela com os “alien shoes) + Barbarella + o último desfile do Thierry Mugler e a parceria do Nicholas Formichetti com o zombie boy Rick Genest + coreô animada+ Alien + unicórnios + caleidoscópio + Michael Jackson & Madonna?

Sim, todas essas referências estão de alguma forma no video de “Born This Way” dirigido por Nick Knight, que é o primeiro single do novo disco da Lady Gaga.

Entre imangens maravileeeandras e fortes, eu senti que Gaga se perdeu um pouco na referência. Sabe quando vc tem uma idéia muito boa e o brainstorm não tem fim? Então, mais ou menos por ai…

Tudo isso e a falta de coragem de alguém peitar Gaga e dizer: querida, já não tá bom? Amigos verdadeiros sempre fazem falta honey G.

O resultado é bonito de se ver, mas um tanto quanto confuso. Por exemplo: e aquele final? Luvas brancas, andando nas ruas com direito a fumaça ala NY? Seria uma referência ao MJ? Bem achei…

E o denteeenho mega separado da imagem final, com direito a uma single tear? Seria uma recado para a Madonna? Bem achei tmbm…

Fora isso eu senti um certo desconforto do agora modelo, Rick Genest durante o video. Acho que Gaga poderia ter dispensado o seu make cut+copy do fundamento do garoto e ter investido mais na própria imagem dele (que é sensacional!) nessa hora. Sim, um ego menor as vezes também ajuda.

Outro detalhe que eu gostaria de chamar a atenção no video, são as cenas em que ela aparece envolta em um tecido super fino e leve, que causa um efeito parecido com uma fumaça/névoa, sabe?

Então, senti também que essa referência funcionou melhor no desfile do Thierry Mugler (o primeiro sobre direção do Nicholas Formichetti, fiel escudeiro de Gaga), pelo menos o impacto me pareceu maior nas fotos (que são do Jack & Jill) do que como podemos ver no video, fikdik.

Olha só como as imagens são bem mais sensacionais…

Não são?

Entre as minhas partes preferidas estão as próteses pontudas que ela vem usando nos ombros, que causam um efeito sensacional. E AMO o momento “don’t be a drag, just be a queen” da coreô.

Enfim, fato é que Lady Gaga conseguiu mais uma vez neam? Antes se perder no meio de tanto fundamento bacana, como eu sinto que aconteceu em “Born This Way”, do que não ter nenhum fundamento para mostrar.

Outro fato é que, essa “nova raça”, sem medo de ser exótica, proposta por Gaga no video e desde que ela apareceu para o mundo, já é realidade (ainda bem!) e esse crédito é realmente todo dela.

Clap Clap Clap Mother Monster!

Look 4 Today (tears)

Fevereiro 11, 2011

Pq hoje faz um ano que acordamos mais caretas, tears

De todas as homenagens que encontrei por ai, essa imagem com a fachada da loja do Alexander McQueen coberta de cortinas pretas em sinal de luto pela morte do estilista, foi a que mais me emocionou.

Acho que essa mulher, parada em frente a porta da loja do estilista, representou o sentimento de respeito que todos nós, fãs de seu trabalho, estavamos sentindo naquele momento tão triste (e sentimos até hoje…)

Por isso, nenhum look especial para hoje, pq para mim seria impossível escolher um look preferido de todas as suas criações (…)

E agora, a 2ª edição do The Modern Guilt Awards 2010

Dezembro 31, 2010

Ano passado eu decidi fazer uma pequena premiação para eleger os melhores (e alguns piores)  do ano em diversas categorias. E porque não repetir a dose esse ano, hein?

Muita coisa aconteceu aqui no Guilt durante o ano de 2010, o blog cresceu (e muito) e parece que o meu grupo de 5 leitores andou aumentando consideravelmente. Cool!

Como eu invejei os apresentadores do Oscar, resolvi chamar o Alec Baldwin e o Steve Martin para apresentar o meu prêmio, que tal? É, eu assumo que foi por pura inveja mesmo, mas o Alec Baldwin virá de Jack Donaghy, porque eu acho mais digno e ele é o meu mentor! rs

E como eu sabiamente disse ano passado, agora eu repito: prometo que vai ser melhor que o Oscar, mais divertido do que o Emmy, mais outing do que o Tonny, com apresentaçáns mais dignas do que o Grammy e menos injusto do que o Golden Globe, fatão! (rs)

Vamos lá? Então coloquem os óculos especiais porque esse ano a premiação mais importante ever será transmitida em 3-D (euri) , segurem firme essa taça de champagne cara e vamos a premiação:

 

♥  Höy do ano: Alexander Skarsgard

Não adianta, eu tenho a impressão que para essa categoria vai ser difícil algum outro levar, hein?

E esse foi o ano do Eric em True Blood, sendo perseguido, quase morto, voando de um núcleo para o outro completamente perdido e apenas para a nossa sorte (rs) e de quebra ainda tendo um romance meio assim com outro vampiro. HÖY!

Esse ano ele passou a ser o boy magia da Kate Bosworth e nós passamos a acompanhar o casal lindo e loiro por ai. Até no Coachella ele foi e quase arrumou briga…howbadassisthat? Sem contar que ele foi capa da Details, saiu pelado e coberto de sangue na Rolling Stone e eu aguardo ansiosamente o encontro desse elenco com o Terry Richardson em uma revista qualquer. Imaginem só? HÖY!

Preciso justificar mais o porque que o prêmio é dele?

Alexander Skarsgard = HÖY!

 

♥  Toda cagada do ano: Rihanna

Rihanna parece que não aprendeu nada desde o ano passado, quando também levou o prêmio nessa mesma categoria.

Eu gostaria até de deixar bem claro que dessa safra de novas cantoras (Katy Perry, Ke$ha e Smiley Cyrus) ela é a única que sabe cantar. Trabalhada no auto-tunes é claro e como todas as outras, mas pelo menos acho algumas de suas músicas até que boas.

Mas quando se trata de montaçán, é um desastre. Esse ano ela passou do look com topetão amarelo para o curumim vermelhão, foi para a versão Caipora e agora com todo esse vermelhão médio esta a cara do Ronald McDonalds, fatão!

E a cada dia que passa ela me lembra mais a Tina e a Whitney antiga. E não no bom sentido, fikdik

O que mais me irrita é que ela tenta parecer moderna, wannabe Gaga  (até na semana de moda ela vai com um look podre) mas na verdade sempre imprime cafonona.

#NAOTABOMNAO

 

♥  Dancing Queen do ano: Lady Gaga

Quantas vzs vc ouviu/dançou qualquer música da Lady Gaga esse ano? 1 zilhão de bilões? Me 2

Não tinha como ser de outra pessoa a não ser dela, que foi realmente a rainha das pistas no ano de 2010, fatão!

A imagem que eu mais lembro de Gaga esse ano e que me deixou mais emocionado é essa ai acima, da sua apresentação pela manhã no Today Show que vc pode ver aqui.

Sem  muita montação e efeitos teatrais, GagaOhhLala desabou emocionada sobre a forte  chuva que caia naquela manhã, ao agradecer NY por ter sido a sua casa por tantos anos. Maravileeeandro!

Let it raaain! (muito muito bom!)

 

♥  Listen Up do ano: The Suburbs < Arcade Fire >

Nenhuma outra banda me emocionou tanto esse ano quanto o Arcade Fire e o seu “suburbio”.

Faixas lindas, emocionadas e mais produzidas, diferente dos álbuns anteriores. Muita gente torceu o nariz para a novidade, mas eu resolvi encarar mais como uma evolução. Banda que fica sempre na mesma acaba velha, fikdik.

“We Used To Wait” é uma das músicas mais lindas ever e me empciona toda vez que eu ouço. E acho que foi a que eu mais ouvi durante o ano todo, fato. Existe um video no Youtube para a faixa que é muito moderno, vale a pena ver (aqui)

“Modern Man” eu digo que foi a música que eles fizeram pra mim, rs (depois de Wake Up é claro, do álbum antigo)

ps: vale deixar registrado aqui que o Flamingo do Brandon Flowers também é bem bom!

 

♥  Trucão do Ano: Miley Cyrus fumando “salvia”

Hmm mmm., sei…salvia neam?

Acho que aqui eu não posso dizer tudo o que eu gostaria a respeito, mas vcs podem imaginar, não?

Para Miley eu só tenho uma coisa a dizer: vc nunca me enganou…

NEXT!

 

Delírios de consumo de Essy Bloom do ano: Lanvin para a H&M

Eu bem declarei que queria me cobrir inteiro de Lanvin para a H&M em um dos meus posts e é claro que eu uso o meu blog para divulgar a minha wishlist neam? Bem cara de pau, rs

Na verdade, eu aceitava qualquer coisa dessa coleçán, até uma tag para vcs sentirem o tamanho da humildade fashionista.

Bom, até agora nada…mas quem sabe vcs ainda não vão me ver desfilando por ai com uma bow tie gigante dessas, hein?

Alô, Alber? Euquero!

 

Eu sou ricah do ano: Anna Dello Russo

Primeiro um pouco de suspense: quem será, quem será, quem será? (aquele bem burro, porque eu já coloquei o nome no título neam? rs)

Anna é dourada, Anna é absurda, Anna é a editora da Vogue Japão e a Anna pode gritar com propriedade: eu sou ricah!

Tem pessoa mais adorável nesse mundo? Meosonho é ser seu melhor amigo Anna. Me add no feice, rs

Sempre chamando atenção por onde ela passa, Anna Dello Russo lançou até perfume esse ano, foi capa de revista e  com todo o seu fundamento virou rapidamente e com todo o merecimento a muse oficial de todo bom fashionista.

ps: me chama para ser seu assistente Anna? Sempre quis ser um harajuku boy magia, rs

 

Popcorn do ano: Scott Pilgrim Vs The World

Em um ano de tantas aguardadas estreias, Scott Pilgrim vs The World acabou levando a melhor na minha opinião por nos mostrar uma nova linguagem.

Esse ano eu esperei como nunca pela versão do Tim Burton para o clássico Alice In Wonderland, que talvez tenha sido o meu maior post na história do Guilt. Tivemos tmbm o sensacional Inception, que deu um nó em nossas cabeças com todas as suas camadas. E Toy Story 3, que me fez chorar igual criança no cinema. Black Sawn também entraria fácil nessa lista e talvez eu esteja esquecendo de vários outros tão bons quanto. Mas nesse caso eu tive que escolher um, então: Scott Pilgrim

 

Coffee & TV do ano: A Season 3 de Breaking Bad


Nada me deixou mais nervoso em 2010 do que a Season 3 de Breaking Bad. E põe nervoso nisso!

As coisas foram ficando cada vez mais profissionais para os fabricantes de metanfetamina mais adoráveis da tv, porém, com grandes poderes vêm grandes responsabilidades, rs

A temporada foi tão tensa, que eu fiquei grudado na minha cadeira laranja esperando um dos dois, Walter ou Jesse morrer a qualquer momento. Dra-ma!

Mas nada disso aconteceu e a próxima temporada agora só no segundo semestre de 2011, humpf!

E aquele final de temporada hein? Juro, fiquei com o coração batendo na boca de tanto nervoso

Como eu faço para suprir essa minha necessidade de adrenalina televisiva até lá, hein?

Já que me viciaram, agora eu quero mais!

ps: Damages + Mad Men + Sons Of Anarchy ficaram empatados em 2º melhor lugar, séries mais do que recomendadas pelo Guilt

 

Euri do ano: Modern Family + Community

Duas das melhores séries de comédias no ar hoje. Uma devidamente reconhecida (Modern Family) e a outra injustamente ignorada (Community) pelas premiações.

Todo mundo no elenco é tão talentoso e tão engraçado que fica até difícil de escolher os meus preferidos.

E por isso, empate!

ps: It’s Always Sunny In Philadelphia ficou em segundo lugar

 

Decepção do ano: A sexta e última temporada de Lost e o seu lamentável final


Sério, tenho raiva só de lembrar. Me lembro de estar acompanhando ao vivo online o final e ficar de cara com a resposta do daddy Shephard na igreja. Dafuck?

Mas não era de se estranhar que a série acabasse assim, ainda mais depois de sua péssima última temporada.

Eu me sinto constrangido até hoje com aquele final, fatão!

E não é só o final que me incomoda, mas todo o caminho para chegar a ele que foi muito, mas muito ruim.

ps: já vou avisando para quem for me receber quando chegar a minha hora que eu não vou ser um espirito conformista não hein? E se alguém vier pro meu lado com alguma explicação sem sentido e bunda mole, eu já aviso antecipadamente que eu quebro tudo, seja o meu destino em uma igreja phina ou até em um inferneeenho qualquer. E tenho dito! (tô mais para o inferneeenho que eu sei, rs)


Foufurices do Ano: Kingston + Violet

Essa é outra categoria que eu acho difícil outros levarem, a não ser os seus próprios irmãos, rs

Kingston e Violet estão crescendo, cada dia mais foufos e a gente ainda torce por esse encontro no playground neam?

Foufos mil!

 

Da série casais que nós amamos do ano: Joshua Jackson Diane Kruger

Sempre tive um apego com o Joshua Jackson Pacey Peter, desde os tempos de Dawson’s Creek antiga, fatão! rs

Pra mim é de longe o casal mais sensacional do ano, e andando de bicicleta juntos ainda? Howcuteisthat?

 

Uncategorized do ano: R.I.P Alexander McQueen

Dizer adeus assim tão cedo para um dos meus maiores idolos do mundo da moda foi bem difícil. Tão difícil que até hoje eu fico emocinado só de lembrar daquele dia…

E logo depois dessa coleção absurda neam?

Tudo culpa da sua gelialidade, humpf!

Chorei de verdade, triste mil…

Para quem quiser ler o que eu escrevi na época, pode vir aqui e eu aconselho ler ouvindo “Gloomy Sunday” da Billie Holiday (mas pode ser também na voz da Bjork)

 

Coleção do Ano: Rodarte in NY/ Paul Smith in London/ Jill Sander in  Milan/ Viktor & Rolf  in Paris



Rodarte – NY : o mix de estampas mais absurdo da temporada

Paul Smith – London : o fundamento masculeeeandro mais absurdo da temporada

Jill Sander – Milan: o minimalismo e as cores mais absurdas da temporada

Viktor & Rolph – Paris : o fundamento de camisaria mais sensacional e absurdo da temporada

 

Catwalk do ano: Lanvin H&M

O desfile mais debochado, simples, desejado, comentado e maravileeeandro da temporada.

Ahazou Alber Elbaz!

 

Chocho do Ano: Coco Rocha vs Terry Richardson and Carine Roitfeld

Continuo achando ela uma tola e já disse tudo que eu tinha para falar aqui, então…

NEXT!

 

Capas do ano: Industrie + Vogue 90 anos + Elle Sweeden + New York

Separei 4, sorry! Não consegui escolher apenas 1 e como o prêmio é meu mesmo, rs…

Marc Jacobs de mulher na capa da Industrie eu achei sensacional!

A Vogue Paris fazendo niver de 90 anos com a Lara Stone na capa. Höy!

Essa Elle é da Suécia e eu adorei o fundamento da fotografia

 

Maravileeeandra do ano: Freja Beha Erichsen + Lea T


Freja é linda, tatuada e esteve em todos os meus desfiles preferidos da temporada.

Lea T também é linda, brasileira e muito corajosa ao se mostrar nua para o mundo na revista da Carine. Sem dúvidas um marco na história da moda. E é nossa! Yei!

#TEMCOMONAOAMAR

 

♥  Prontofalei do ano:

Desabafei,  humpf!

Estava mesmo precisando falar…

 

Enfim, terminamos a 2ª edição desse prêmio que é o mais aguardado do ano em todo o mundo (sei, rs). E vejo todos vcs aqui em 2011 hein? Mas antes disso, uma apresentação sensacional pq todo prêmio que se preze tem algum convidado musical neam? (e essa foi uma das performances mais sensacionais de todos os tempos ever)

Encontro marcado aqui ano que vem, combinado?

Essy, The Modern Guilt

Lola muito bem acompanhada na pré estréia de Harry Potter & Deathly Hallows

Novembro 17, 2010

E não é que a Lourdes Leon foi de clutch + lenço do McQueen até a pré-estréia do novo Harry Potter? Muito da bem acompanhada, não?

E essa clutch é um dos meu grandes objetos de desejo do McQueen, fatão! Vamos ver no detalhe? (estagiáriooooo, queremos um close, NOW!)

Ai ai, quando será que eu vou poder colocar as minhas coiseeenhas numa dessas hein? Alguém? (euri)

Enfim, por enquanto ficamos eu aqui e Madonna logo ali, cheios de orgulho da nossa Lola fashionista.

Carey Mulligan + Julianne Moore ensinando a como se manter digna no red carpet

Novembro 8, 2010

Essa Carey Mulligan realmente não esta para brincadeira neam?

Sempre muito bem vestida, com peças que favorecem a sua altura, sempre muito bem comportadas e com fundamento. Digna.

Julianne Moore é mesmo uma muse, não?

Primeiro de McQueen, depois de Armani e sempre muito bem vestida.

Uma mulher para se prestar atenção sempre, fatão!


%d bloggers like this: