Posts Tagged ‘Allan Ball’

True Blood Season 4 – Precisava deixar para ficar boa nos últimos 5 minutos da temporada?

Setembro 13, 2011

Temporada difícil de engolir essa hein? Salva pelos últimos 5 minutos, que deixaram boas promessas para o começo de uma próxima temporada.

Mas antes disso, a verdade tem que ser dita e essa Season 4 de True Blood foi bem difícil hein?

Histórias pouco interessantes, personagens perdidos vagando entre todos os núcleos e muito personagem secundário ocupando um espaço desnecessário (como as panteras que simplesmente sumiram, de tão importantes que foram), apenas para preencher o tempo dos quase 50 minutos de cada episódio. E tudo isso para que mesmo? Para uma temporada meio assim que poderia ser resumida em pouco mais de 3 episódios talvez…

E dessa vez eu sinto em dizer, mas eles perderam a mão e perderam feio.

Começamos com um primeiro episódio muito, mas muito chato. Tivemos a história das fadas naquele cenário podre, digno de filme antigo e ruim da Sessão da Tarde. E tudo isso teve alguma importância para a trama da série? Zero

Não, não teve e até a Claudine, a fadinha camarada da Sookie acabou morrendo em um momento qualquer por falta de relevância para a série e tudo isso nas mãos do silly Eric.

Aliás, o silly Eric foi um dos pontos altos da temporada, já que não tínhamos muita coisa para nos animar. Foufo, mas no quesito magia, todas preferem o dark Eric, aquele que te leva para o porão e…bom, melhor deixar pra lá. Höy!

A história todas das bruxas foi bem fraca também e nada que não pudesse ser resumido na metade da temporada. Eu pelo menos, jurei que essa história teria um final lá pelo episódio 6 ou 7 e que ai teríamos algo novo para lidar até o final da temporada, quem sabe a volta de igreja, que em algum momento até foi prometido em spoilers. Mas não foi assim, infelizmente e eles preferiram arrastar essa história bem meia boca até o final da temporada, humpf!

Marnie até que foi uma bruxa ok, mesmo com o seu histórico de ex tia do Harry Potter e o conflito interno que deve ter rolado de que em um outro papel, ela não era assim muito a favor de bruxaria, ainda mais do lado negro da força, rs. Mas a questão é que todo aquele drama carregado na história do espírirto da bruxa Antonia Gavilán de Logroño (nome retirado direto de uma novela mexicana bem caliente) não tinha muita conexão com a história central de True Blood, que são os vampiros e por isso também ficou bem chata e cansativa.

Eu sei, eu sei que ela carregava o trauma de ter sido estuprada pelos padres vampiros, mas o que eu quero dizer é que teria funcionado melhor se um dos padres estupradores fosse um personagem relevante na série, um vampiro importante, ou quem sabe ligado de alguma forma com um dos personagens principais. Mas também não foi isso o que aconteceu e desse jeito eu me pegava perguntando a todo tempo: quem se importa com a história dessa mulher? Boring…

Eu diria até que mais do que qualquer outra coisa, a história principal dessa temporada (as bruxas) não colou e foi bem desinteressante. Uma pena, porque eu gostava da idéia…

Agora vamos falar de quem importa, mas nos irrita: Sookie e Bill

Até achei que a Sookie ficou mais legal durante essa temporada, mas isso durou apenas por alguns momentos aleatórios do seu personagem, que me pareceu mais perdido do que o Andy colocado de V. (outro chatôncio)

Mas ela continua uma chata sem tamanho, que só não perde o seu posto para a Tara por ainda restar alguma importância no seu papel e também por ninguém bater a Tara no quesito “putamalainsuportável”. E nesse episódio final, acabei notando algo em relação a Sookie e a sua magia com os homens, que eu acho importante, por isso vou dividir a minha teoria com vcs.

Sookie realmente só tem essa influência toda sobre os boys magia da série por conta do seu sangue mágico, porque não venha me dizer que ela tem outros atributos que justifiquem isso, porque eu sei que ela não tem. E a prova disso foi dada através do Sam Merlotte (quem diria que ele ainda teria alguma importância), que sempre foi apaixonado por ela de verdade e isso apareceu claramente durante as primeiras temporadas da série, mas que com o tempo, acabou percebendo que não valeria a pena e pulou fora, sabiamente. O que prova a minha teoria de que se não fosse o sangue mágico que corre em suas veias saltadas e o seu cheiro magia, todo e qualquer vampiro daquela cidade e talvez do mundo inteiro, conseguiria entender sem fazer muito esforço, que ela não é uma mulher assim tão irresistível. Em todos os sentidos, fikdik.

Já o Bill, se tornou o maior cretino de todos. Canastrão, eles até hoje tentam dar esse ar meio dúbio para ele, tentando forçar que a gente acredite que “agora sim ele é do mal”, pura bobagem. Bill é um vampiro coxinha e todo mundo sabe disso. Matou a Rainha, agora matou a política chefona da liga…e cadê um CSI dos vampiros para investigar essas mortes todas hein? Sem contar que, para quem sempre defendeu o bem e as fadas, ele anda bastante violento, não?

Queremos Bill na prisão na próxima temporada, trancado em OZ e virando noiva vampira na cadeia. Embora eu adore ver ele coberto de sangue e ache também que quem corre o risco de ir parar na cadeia depois desse season finale é a Sookie.

Fico até com pena do Stephen Moyer como ator, que a essa altura já perdeu (e eu acredito que não tenha mais volta) o posto de personagem principal na série. Que puxa!

Sem contar que nada foi mais chato no episódio final do que o pé na bunda duplo que a Sookie aproveitou para dar nos seus dois vampiros magia e ao mesmo tempo. Aposto que ela só fez isso, porque já tinha um possível trelelê engatado com o Alcide. Bitch! Mas ainda bem que a cena foi salva pelo lado canalha do Eric, que nunca nos decepciona e sempre solta um olhar de vilão canastrão canalha, rs, a não ser quando ele briga com a Pam por conta da bagina mágica e isso todas desaprovam. Espero que a Pam volte com sangue nos olhos para vingar o seu maker.

E True Blood é do Eric desde que ele apareceu sentado no trono na Season 1 e todo mundo sentiu isso naquele momento. Puro mérito do Alexander Skarsgard, que embora tenha uma magia impossível de se ignorar (Höy!), já provou também a essa altura que é um ator capaz de encarar as diversas camadas de um personagem. Mesmo com sua fase silly, ele continuou ótimo e de suas  mãos e presas aconteceram as mortes mais legais da temporada. O que foi ele tomando sangue direto do coração como se fosse um suco Kapo, na maior naturalidade, hein? E o que foi a cena da sequência final, com ele cortando várias cabeças de uma só vez em questão de segundos? Höy!

Por isso eu encabeço a campanha: King Eric!

Realmente a temporada inteira foi tão chata, que eu não senti nem muita vontade de comentar. Um dos piores episódios até agora foi aquele com todos eles correndo perdidos no meio da floresta, aguardando a lua cheia. Sério, precisava gastar um episódio inteiro com aquilo? Sinto que esses roteiristas estavam com preguiça…

E essa preguiça também me contagiou e foi quando eu percebi que a temporada estava bem meio assim. Sabe quando passa tolamente aquele ansiedade de assistir o episódio novo da semana, que vc acaba deixando para depois, bem depois e depois de tudo que vc tem para assistir na semana? Então, pra mim, do sexto episódio em diante foi assim, perdi completamente a esperança. PÁ!

Para se ter uma idéia de quanta peguiça rolou durante essa temporada toda, podemos afirmar que aconteceu mais coisas na cabeça do Lafayette, literalmente, com os seus vários novos penteados a cada episódio, do que em qualquer outro momento dessa Season 4. Talvez eles tenham pensado que já que eles pagaram toda a equipe para trabalhar por uma temporada inteira, vamos pelo menos aproveitar os serviços e fazer a cabeleireira caprichar no tererê neam? Euri

Também tenho que ser justo comigo mesmo e dizer que o Sam esteve ótimo enquanto o seu irmão incorporado no seu próprio corpo. Achei bem bom, mas foi só e talvez eu não tenha prestado atenção em mais nada que ele tenha dito durante todo o resto da Season 4. Zzzz

Preciso dizer também que o Lafayette não precisava dessa função de assassino do próprio namorado hein? É, não precisava…

E o Alcide, hein? Qual a sua importância? Qual a sua relevância, além da magia? E que a verdade seja dita: que lobinho corno mais carente é esse?

Difícil de acreditar, porque um homem daquele tamanho e com aquela magia, jamais seria tão tolo assim. Será que ele nunca se olhou no espelho? Ou a questão não é a magia e sim a varinha? Hein? Fikadúvida…

Vou dizer também que eu torci o nariz para a relação Jason vs Jessica e boa parte disso por conta do meu amor pelo Hoyt (que teve o seu momento merecido de vendetta nesse final, mas que com isso parece que a história acabou para ele, não?). Mas quer saber? Perdeu Hoyt. Tenho que admitir que a Jessica e o Jason são perfeitos juntos, super bem resolvidos e até mesmo parecidos, por incrível que pareça e vai demorar muito pra gente esquecer qualquer cena com esses dois juntos. Höy!

E que covardia a Jessica me aparecer maravileeeandra e ruiva, montade de chapeuzinho vermelho no episódio final hein? Holly Mother F**ker! HÖY!

Jessica provou que é a vampira com mais potencial por ali hein? Vampira pau na mesa (sorry, não resisti). Senti que naquele momento de total honestidade entre ela e o Jason, nunca mais o cd da Taylor Swift ou o livro de Twilight vai fazer algum sentido para ela, que já não é mais a mesma garota tola do passado. You go girl!

True Blood se perdeu tanto durante essa temporada, que até a cena entre Sookie e o fantasma da sua avó não conseguiu me emocionar. E eu rolei de rir com a line do Eric na sequência. #TEMCOMONAOAMAR?

A proposito, já que esta evidente que eles estão bem magoados com a história do sucesso atual dos zombies, morrendo de ciumes na verdade, eles perderam a chance de ouro de introduzir esses personagens naquele momentos dos mortos se levantando do cemitério, hein? To-los, eu teria aproveitado o momento perfeito, nem que fosse para fazer piada…

E um Halloween vinha sendo prometido para essa temporada, mas eu estava esperando algo mais, ainda mais porque o climão de dia das bruxas seria perfeito na série. Eu sei que as histórias precisavam de um fim, eu sei que tudo que foi contado até agora precisava fazer algum sentido (oi), mas custava fazer direito? Até as séries de comédia fazem episódios de Halloween bem mais interessantes. Basta assistir um reprise qualquer de Friends por exemplo, fikdik.

Eu poderia dizer que foi uma temporada inteira perdida (e na verdade eu já disse), se não fossem os últimos 5 minutos, que chegaram a me animar de novo, só que certamente tarde demais.

Bill e Eric se rebelando e matando todo mundo, o vampirão que é a cara do Ronaldo Esper que finalmente parece que fugiu do cimento, o reverendo que agora também é vampiro chegando na casa do Jason e Sookie virando uma assassina, tudo isso nos últimos 5 minutos de uma season finale é muita sacanagem. Eu trocaria fácil tudo o que vimos até agora por esses cinco minutos finais e se vc ainda não assistiu a temporada, recomendo que faça algo do tipo, que vc não vai perder nada.

E nada vai me tirar a satisfação de ter visto a Tara tomando aquele tiro na cabeça, mesmo que não tenha ficado assim tão claro (fiquei confuso com aquela pirueta, rs). Acho que deve ter sido algo semelhante a final de copa do mundo (para quem se importa) pra mim, mesmo sabendo do risco enorme de ser apenas um truque dramático e bem sem vergonha de season finale. Mas só a ideia da possibilidade da sua morte já me anima…

Mas como em True Blood tudo pode acontecer, se aquele tiro tiver sido de raspão e aquela mulher movimentar um fio de cabelo nos braços da Sookie assim que a próxima temporada começar, eu juro pelo Eric derretido em um pote de geleia nórdico que vou eu mesmo para Bon Temps terminar esse serviço.

Aproveito para iniciar uma campanha para que eles não ressuscitem o personagem. Que ela descanse em paz na terra dos pés juntos para sempre e não volte nem como fantasma. Amém!

Para finalizar, vamos engolir essa mágoa de piadas recorrentes sobre o sucesso atual dos zombies pelo mundo e tentar fazer uma próxima temporada mais decente, hein True Blood? Porque esta ficando difícil…

Fica o meu pedido Allan Ball.

ps: e o Scott Foley que apareceu no final, mas só disse oi, foi ali e nem apareceu de novo, hein? Sacanagem…Höy!

ps2: antes que eu me esqueça, a pergunta que não quer calar da temporada é: o Bill estava ou não de peruca durante toda essa Season 4, hein?

Todas prontas para a volta de True Blood no domingo? Talvez esse resumão das 3 primeiras temporadas ajude…

Junho 22, 2011

E não é que rolou a premiere da Season 4 de True Blood que lá na america antiga começa no próximo domingo?

Por aqui,  na HBO Brasil a estréia será no dia 10/07 as 21h00. Todas progamando o Tivo, NOW!

Já contei que a fofoca do dia é que talvez o Scott Foley entre para o elenco, mas a gossip pesada da vez é que o Jason vai se descobrir mais feliz do que nunca durante essa temporada hein? Alguém mais suspeitava que iriamos encontrar o Jason do outro lado do arco-íris?

O que eu mais gosto em True Blood é que o Allan Ball realiza todas as suas fantasias descaradamente com todo o elenco masculino e nem confiança! (euri)

Mas a pergunta é: quem será o seu par? Será que tem algo relacionado com a entrada do Scott Foley na série? Se for isso: CATAPLOFT!

Mas vamos falar logo de quem realmente importa?

Ele, o vampiro magia que glamouriza geral (mas eu continuo forte na campanha por um novo corte de cabelo para ele): Eric Northman. Höy!

#TEMCOMONAOAMAR?

Em um universo paralelo (rs), Alexander Skarsgard pergunta: Desculpa, eu sou sueco, será que vc pode soletrar “Essy” pra mim? Seria demais eu desenhar um coração ao lado do seu nome, assinar como seu maker e finalizar com um “Höy”? Vc se importa?

Nesse mesmo universo paralelo, Essy diz: E.S.S.Y e logo em seguida…CATAPLOFT! (euri)

E segundo o próprio Eric, eles estão sempre mais do que felizes em nos servir no Fangtasia…

Todos fangbangers choram sangue! Höy! (alguém mais reparou no Godric duranrte o teaser? UOW!)

Agora se vc esta meio perdido, não fez lição de casa antes da volta da Season 4 e graças aos bons drink do dia a dia não lembra mais do que de importante já aconteceu na série, talvez esse video aqui possa ajudar.

Um video que resume de uma forma bem divertida e em apenas 5 min, tudo o que vc deve saber sobre as três primeiras temporadas de True Blood.

Ansioso mil!

O novo promo báfu de True Blood

Maio 15, 2010

Só para deixar todo mundo com um gosteeenho de sangue na boca…

Season 3 chegando feelings

Campanha Guilt: Um novo corte de cabelo para o Alexander Skarsgard, por favor!

Fevereiro 22, 2010

Alexander Skarsgard é merecedor do Höy nosso de cada dia, mas…vou falar hein? Esse cabeleeeenho de ladeeeenho tomado no gel não dah neam? Definitivamente não acho bens!

Portanto, começo hoje aqui no Guilt a camapnha: Um novo corte de cabelo para o Alexander Skarsgard, por favor!

Allan Ball bem poderia entrar para a campanha e exigir um novo corte de cabelo para o Erik hein?

Não aguentamos mais Alex…um curto curtíssimo desfiado e sem gel (por favor hein?) ficaria bens, fikdik!

True Blood só melhora!

Setembro 2, 2009

26775645

Como é bom ter Allan Ball de volta todo criativão, vcs não acham? Como é bom ter meu compromisso de toda segunda feira, na calada da noite preta (euri), em frente ao pc, phino e rico, tomando um suco de tomate temperado (euridenovo) e ter meu encontro marcado semanal com os vampiros mais cool/trash ever! Pena que já está acabando a temporada e eu vou ficar carente sedento por mais True Blood e…e nada neam? O que fazer? Que venha a season 3, ainda mais maraveleeeandra! Mas vamos ao episódio:

True Blood – Frenzy

Bom, nada mais do que uma excelente continuação do episódio de transição anterior, no mesmo clima de solução de mistérios e blah blah blah.

Picture 1

LOVE a vampira rainha das trevas ex Sra Marilyn Manson Sapatônica Zegzy, LOVE! E aquele quarto do dia? (respondido a questão dos vampiros tomando sol…fake!) Super cafona e decadente, adorei a piscina separando-a dos seres inferiores, e sua coleção “Benetton” de presas. Clap Clap Clap Allan!

ps: o texto dela foi algo espetacular, não? Cheio de tiradas sarcásticas e referências mil, achei incrível!

E eu não disse que seria a primeira briga do casal Hoyt + Jessica? I told you so (fazendo a coreô tmbm). Hoyt bundão todo bobinho defendendo a mãe bitch das presas de Jessica, mãe essa que no final das contas acabou dando com a língua nos dentes e soltou que o pai que Hoyt considerava um herói por ter morrido tentando proteger a família de um assalto, na verdade não passava de um gay no armário que acabou comentendo suicídio. UOW! Tudo assim na cara do filho bobinho coxinha (mas que eu ainda amo)…triste não? E ainda teve a velha bitch falando: ele gostava de dançar demais para um homem hétero…Fatão! Euri

Alguém por favor pode acabar com a família da Tara e deixar apenas o Lafayette pra gente? Quem aguenta aquelas duas? E a mãe dela parece uma certa diva que eu postei aqui hj no auge do seu vício em crack e outras coisinhas, prontofalei! Eu acho que a velha vai bater as botas até o final da temporada, se bem que, quando Sookie apareceu chorando no final do promo do próximo episódio eu imagino que ela estava pedindo desculpas para a Tara, por ter acontecido alguma coisa com Eggs (ou com a sua mãe, quem sabe?). Na verdade, acho que isso é mais da minha vontade particular do que um fato mesmo. Mas eu torço por isso!

Maryann que se acha a própria capeta em forma de vibrador gigante (alguém me explica toda aquela vibração?), na verdade nem é tão poderosa assim…e ainda revelou que foi a Tara que libertou ela, vcs lembram na primeira temporada quando Tara levou sua mommy na moça truqueira exorcista? Quando Tara passou pelo “exorcismo + ou – fake” da tal, e ficou de cara com ela mesmo criança? Então, foi ai que ela libertou Maryann. Gostei, não amay, mas pelo menos foi um fato surpresa neam? Mais um motivo para alguém matar Tara!

Picture 2

Sookie ganhou força como o Lafa vcs não acharam? Chegou até a ficar simpática pra mim…a cena das algemas de marabu foi genial, rolei! E a revelação de que Lafayette e Sookie (andeverybody) divide os mesmo sonhos eróticos com Eric…Üí! Agora o momento eu amo True Blood 4 ever vai para a cena em que Eric apareceu como alucinação de Lafa, segurando a espingarda, vestido de mãe da Tara e atormentando o pobre Lafayette, LOVE! Um Emmy para essa cena vai? E se eu escrever “sena”…hein?

Quanto ao casal Sookie & Bill…separem os dois vai? Tah…eles até podem continuar juntos, mais em cenas separadas, cada um no seu núcleo é bem mais fundamento do que juntos. Torço para que com a história do triângulo amoroso, o casal talvez sofra um tanto e fique mais interessante, ou será que sou só eu que nem dou confiança para essas histórinhas de amor que dão certo demais hein?

Jason sendo ele mesmo, questionando o que o Sam poderia fazer enquanto ainda animal tmbm foi ponto alto do ep. Será que ele pode se transformar em galinha, botar um ovo de depois come-lo? Ou será que ele pode se transformar em cachorro e comer uma cadela? Rá…Clap Clap Clap Jason! O novo Hurley, que faz a perguntas que todos nós gostariamos de fazer e que nunca dá tempo e nem coragem naqueles bundões de fazer quanto têm chance na Comic-Con.

ass2x11fangs

Agora o melhor, Eric! Höy! Sério, eu morri com o Eric tirando uma com a cara de todo mundo na buatchy, com o Sam bobinho demais lá com as crianças loucas por estar em frente do melhor vampiro ever. Sedutor deitado no divâ e de terno não? E aqueles olhares? Euri! Fora que ele teve o voo mais legal da história das séries…e detalhe, chegou em seu destino com o cabelo bagunçado, é claro, e não com o penteado intacto como é de costume em filmes ou séries do gênero. Também é de detalhes como esses que se faz uma série excelente, fikdik!

Agora teremos que esperar até o dia 13 para o aguardadíssimo e já tão sofrido pela falta de novidades até a próxima temporada, episódio final de True Blood! O trailler dessa semana tá bafú…mas vamos tentar não especular, True Blood é tão boa, que eu prefiro que seja surpresa.


%d bloggers like this: