Posts Tagged ‘Colin Farrell’

Falando em setas e direções, digamos que se o Chris Pratt estava inclinado para o Oeste de quem vê…

Agosto 14, 2014

colin-farrell

… o Colin Farrell estava mais para o Leste de quem também vê, não?

E não é de hoje que percebemos que Colin é um homem direcionado, porque quem assistiu a sua famosa sextape sabe que desde então, o moço já havia entregado seu lado preferido, rs.

 

♥ Já está seguindo a magia do Guilt no Twitter? Ainda não? @themodernguilt

Anúncios

Seven Psychopaths, o trailer

Agosto 31, 2012

Colin Farrell, Woody Harrelson, Christopher Walken, Tom Waits , Abbie Cornish, Sam Rockwell, l Olga Kurylenko. Ótimo o elenco desse filme, não?

E ele é de um diretor novo, Martin McDonagh, que tem uma história com o teatro, um Oscar por um curta e uma indicação pelo roteiro do seu outro único filme. Por isso acho que merece a nossa atenção…

Em 12/10, na America antiga

Ansiosos?

 

♥ Já está seguindo a magia do Guilt no Twitter? Ainda não? @themodernguilt

Henry!

Agosto 27, 2012

Que momento mais foufo esse do Colin Farrel com o seu Henry, hein?

E tem que ser assim mesmo, tem que deixar eles se lambuzarem inteiros. Depois a gente faz o teste do sabão em pó e está tudo certo! (não aguento criança arrumada demais e infeliz)

#TEMCOMONAOAMAR?

 

♥ Já está seguindo a magia do Guilt no Twitter? Ainda não? @themodernguilt

Duas semanas de férias. Será que perdemos muita coisa?

Julho 23, 2012

Praticamente duas semanas de merecidas férias, longe de tudo e de todos por aqui. Mas será que perdemos muita coisa durante esse tempo?

Como não gosto de ficar com a sensação de que não comentamos algum plot daqueles que possa ter ocorrido durante esse período, resolvi fazer um momentão “flashback” com tudo o que de importante (importante para quem neam?) aconteceu nessas duas últimas semanas. Preparados para essa carga de updates importantíssimos em uma dose única?

Hugh Jackman também esteve de férias, só que em Sydney e parece que por lá, pelo bem do seu grande segredo permanecer escondido e trancado a sete chaves douradas com glíter, ele ofereceu seus dois mamilos para Iemanjá em troca do silêncio selado em adamantium sobre alguns plots de sua vida.

Como respeitamos toda e qualquer religião/posição, achamos bem bacana o ritual e oferecemos 1/2 bolacha Trakinas (sem a parte do recheio) para quem conseguir achar qualquer um dos seus dois mamilos na imagem acima. Valendo!

#NANOMAMILISMO

 

ps: não vale fazer a criativa e desenhá-los na foto hein?

Enquanto isso em NY, a barra pesava para cima de Suri, que já está sofrendo na pele as consequências da separação dos seus pais, sendo apresentada a um modelo Leeleeca Reepeeleeca pela primeira vez,  do tipo que  ela imaginava que só a vassalagem usava, algo que Suri não conseguiu aceitar muito bem depois de ter experimentado por tanto tempo apenas tecidos nobres, cortes precisos e caimentos perfeitos de suas roupas assinadas e de grífem.

Força Suri e seja bem vinda ao mundo do pé no chão com direito a um velho e bom poliéster de vez em quando!

#CHATIADINHA

 

ps: não sabemos se é verdade tudo que vem saindo na imprensa a respeito dos reais motivos da separação do casal e o fato da Katie estar tentando rever os conceitos sobre a criação da pequena Suri, mas já achamos esse fundamento bem mais bacana e adequado a idade da pequena, que sempre foi o motivo da nossa implicância com a mesma. Go Katie! Go Katie!

Em uma terra onde as leis do Bad Photoshop são seguidas a risca, conseguiram transformar a magia do Lee Pace (quem nunca sonhou em comer no buraco da torta desse homem que atire a primeira meia dúzia de morangos podres, NOW) em qualquer coisa nesse poster mais do que pavoroso do novo filme de “Twilight”, do qual a gente só não consegue sentir mais preguiça porque resolvemos não dar a menor atenção desde o primeiro deles todos. ZzZZZ

Acho um pecado (isso e ele ter aceito um papel na franquia). Acho uma heresia e acho que alguém deveria ser responsabilizado por esse crime da mão pesada no Photoshop. Chega de impunidade, queremos justiça! Devolvam a magia do nosso Lee Pace, NOW!

#NAOTABOMNAO

Nesse meio tempo, acabamos descobrindo que não é só True Blood que está ficando bem meio assim ultimamente (continuo achando essa Season 5 bem difícil…) e até o seu time de boys magia já começou a sofrer as consequências da decadência da série, que foi o que descobrimos com essa imagem do Ryan Kwanten com esses braços assustadoramente veiudos. EW!

Me digam, de onde é que surgiram todas essas veias que a gente nunca tinha percebido antes? Hein?

#DECEPCÃODEFINE

Que a maldição demore para chegar na parte sueca da série. Amém!

 

ps: tudo bem que o Jason aparecendo com PJ do He-Man foi um momento bem foufo em um dos últimos eps da série, mas juro que esse mesmo ep eu quase não consegui reconhecer como um episódio de True Blood. Sério, sem exagero. 

E não é que a Madonna resolveu lançar vídeo novo para o single de “Turn Up The Radio”?

SIM!

E não é que mesmo tendo sido gravado em Roma e contendo um certo nível de magia até que interessante, ele é bem meio assim?

SIM!

Querida Madonna, é preciso mais do que meia dúzia de magia do lado de lá para distrair a gente de tamanha vergonha. E quando o single não é lá essas coisas mas mesmo assim vc resolve insistir, o vídeo pelo menos tem que ser mais esforçado do que isso, a senhora não acha?

#CARADEREDUÇÃODECUSTOS

#NÃOSOBROUUMTROCADONEMPARAPAGARAFIGURAÇÃO

 

ps: músicas que nunca vão entrar nas minhas playlists. Checked ✓

E olha só quem resolveu aparecer por aqui?

Colin Farewell!

Höy!

Ele que apareceu e fez o que todos deveriam fazer em suas visitas ao nosso país, que é nos pagar a hospitalidade e todo o nosso calor humano com um shirtless para a gente dar aquela conferida se ainda vale a pena investir na carreira de stalker em nome da magia alheia.

E com isso, Colin conseguiu provar que a sua magia continua toda ali. Höy!

Vc ai, sentado na sua cadeira reclamando do mundo, que tudo andou dando errado na sua vida (passei por cada plot drama dramático nessas férias… Xocotô!), dizendo que vc não é uma pessoa de muita sorte, quando tem criança tendo que enfrentar sérias dificuldades no seu  dia a dia e isso tão cedo, como o Zuma tendo que enfrentar esse obstáculo em sua jovem vida.

Se fosse vc, teria vergonha de reclamar dos seus problemas estando de cara com uma imagem de coragem & superação como essas… Shame on you!

#TEMCOMONAOAMAR?

Entramos de férias, deixamos nossos leitores com pencas de links amigos recheados com todo o nosso fundamento, mas parece que tem gente que não conseguiu aprender nada, neam?

Certamente, a Miley Cyrus não é uma leitora do Guilt. E o que a gente tem a dizer sobre isso? AMÉM!

E que macacão mais pavoroso em jeans é esse minha gente? E essa cara de derrota com pouco ou nenhum make? E a tattoo de apanhador de pesadelos? (porque sonhos nesse caso fica difícil de aceitar…)

Olho para essa imagem e sinto vergonha, um pouco de náusea, sinto também uma vontade enorme de ter uma conversa bem séria com os responsáveis da família Hemsworth, além de só conseguir lembrar dessa outra imagem icônica aqui ó:

(♥)

Amor eterno selado em jeans estonado. VAVAVOOM!

Mas se não era bom nem naquela época antiga, imagine hoje em dia, hein Miley?

Mesmo assim, quantos pedaços de pão velho a gente daria para ver a Miley repetir com o seu boy magia o que o casal acima fez no passado, hein?

Aguardamos ansiosamente por esse look combinanders do casal… (ZzZZZ)

E essa imagem da Riwanna que também esteve de férias durante esse mesmo período, serve para nos deixar ainda mais felizes pelo fato de que o nosso cabelo  se manteve muito mais em dia do que o da própria durante a nossa própria vayvay (rs)

#CONTINUANÃOESTANDOBOMNÃO

Como não só de desgraça vive o homem, terminamos o nosso update de plots que podemos ter perdido durante esse período, dando aquela checada na magia Gosling, que ao que tudo indica, mesmo com direito a t-shirt podrinha com furo no sovaco (que a gente torce para que não seja depilado, porque assim não dá neam? Se bem que os nossos padrões são outros quando o assunto é o Ryan Gosling, rs) continua exatamente como a gente deixou antes de sair de férias. #HOTASHELL

Então vamos lá queridos leitores, para comemorar a nossa volta e encerrar esse momentão flashback de férias, vamos ao nosso grito de guerra preferido em uma só voz: HÖY!

E é isso. That’s all folks! Agora que estamos devidamente atualizados, podemos declarar que voltamos oficialmente. Yei!

 

♥ Já está seguindo a magia do Guilt no Twitter? Ainda não? @themodernguilt

Colin Farrell recuperando a magia. Höy!

Julho 10, 2012

Ele que andava meio derrubado atualmente, acabou recuperando bem o seu nível de magia, não?

Höy!

 

♥ Já está seguindo a magia do Guilt no Twitter? Ainda não? @themodernguilt

Guilt apresenta: Doctor Parnassus, o homem que quis enganar o diabo

Fevereiro 8, 2010

Uma viagem lúdica. Acho que poderia começar a descrever assim toda a loucureeenha que rola no filme “The Imaginarium Of Doctor Parnassus” do diretor Terry Gilliam.

O filme conta a história do Dr Parnassus, um homem que prega a liberdade da imaginação e que em uma constante e viciosa aposta com o diabo (que é um de seus vícios), acaba perdendo a sua filha para o tinhoso, que passará a ser o seu dono assim que a moça completar os seus sweet sixteen. E tudo isso em troca de se tornar imortal.

O filme é uma viagem a um mundo imaginário único, que me lembrou bastante o universo criado por Tim Burton emCharlie And The Chocolate Factory, entre outros. Mas talvez a participação do Johnny Depp tenha contribuído ainda mais para essa associação. Juro que quando ele entrou em cena, mesmo ainda sem ter visto que era ele, todo o seu gingado saltando naquelas flores foi o suficiente para eu reconhecê-lo na mesma hora.

O mundo mágico do Dr Parnassus é incrível, uma realidade de exageros onde através de uma viagem por um espelho, que nesse momento faz as vezes de “portal mágico” para uma viagem absurda dentro de sua imaginação. Talvez o espelho tenha sido escolhido por tratar-se de uma viagem pessoal dentro de vc mesmo, onde é preciso se enxergar como vc realmente é para poder fazer parte desse outro universo, onde os seus maiores desejos e sonhos se tornam reais, de uma forma bem exagerada é claro.

Os cenários são de deixar qualquer queixo caído, fato. A começar pelo “Teatro Ambulante”, que além de ser o transporte é também casa e o palco das apresentações do espetáculo do Dr Parnassus. É como se fosse um grande amontoado de cacarecos, que de alguma forma louca faz todo o sentido e todas as peças se encaixam perfeitamente dentro daquela loucura toda.

Quando estão em cena, os cenários são sempre referentes a obras de arte, com referências das mais variadas, mas de uma forma conceitual, cheio de sucatas e improvisos, tornando assim aquele pequeno espaço em um infinito de possibilidades para assim chamar atenção do público para o espetáculo, que mesmo com toda essa beleza diante de seus olhos, insistem em ignorara-lo.

As viagens através do espelho são maravileeeandras tmbm, mas aqui já entra a tecnologia, efeitos e os recursos técnicos neam? Ainda assim, só de pensar que alguém foi o responsável por pensar em todos aqueles universos de absurdos, já fico até emocionado. E é claro que eu fiquei imaginando como seria o meu próprio universo através dos olhos do Dr Parnasssus. Talvez isso sirva de inspiração para trabalhos futuros meus…quem sabe neam?

Johnny Depp, Jude Law e Colin Farrell emprestaram os seus respectivos carismas e talentos para finalizar o filme, que não pode ser concluído por seu ator principal, o admirável Heath Ledger, por motivos que todo mundo já sabe bem porque (tears).

E vc pode até pensar: nossa, mas que confuso, outros 3 atores para interpretar o que estava sendo feito por apenas 1? Sim, é isso mesmo que acontece no filme, mas a solução que eles encontraram para encaixar três homens diferentes em um mesmo papel foi ótima. Achei que o resultado ficou no mínimo divertido, além de belíssimo de se ver. E ainda tem a historia foufurice foufa de que os 3 atores doaram os seus cachês para Matilda, a filha de Ledger (snif) que eu bem já contei por aqui para vcs.

Confesso que o filme me deixou com saudades do talento de Heath Ledger, que era indiscutível. Em alguns momentos vc consegue enxergar a entonação do seu mais famoso e premiado personagem The Joker em “Batman” , em outros momentos um cara atrapalhado e encantador como em “Grimms Brothers” (que é o mesmo diretor de Dr Parnassus), nos deixando um excelente último trabalho da sua vida. Para ser lembrado com saudades por todo o seu talento, sempre.

Corajosa a escolha da Lily Cole para o papel principal hein? Um risco que quase passa sem ser percebido devido ao carão dela que completa muito bem o cenário. Mas fica visível a sua falta de preparo, fato. Nada que umas boas aulas não possam resolver, talvez neam? Fikdik

Agora, pra mim que roubou a cena do filme foi Andrew Garfield, que além do sobrenome foufo, nos mostrou que a sua foufurice não se garante apenas nisso. Seu personagem (Anton) é delicioso, divertido e bem engraçado. Um foufo! Espero vê-lo mais vezes no cinema! Torci por ele do começo ao fim e olha que para bater o Heath pra mim precisa ser muito bom mesmo!

Agora, o que são aqueles figurinos? Báfu! Um dos mais criativos de tudo que eu tenho visto ultimamente nos cinemas hein? Com cara de teatral mesmo, reciclado, vintage, criativo e com uma cartela de cores que vai dos tons pasteis até as cores fortes e chamativas como complemento. Devo confessar que essa é a minha cartela de cores preferidas de trabalho, seja em moda ou design, eu sempre quando estou fazendo algo autoral, acabo indo por esse caminho.

Outro figurino que me chamou bastante a atenção foi o do personagem Percy (Verne Troyer ou “minime” para as íntimas), super engraçado e com um toque clássico oldschool perfeito. Me diverti com a piada do anão, fatão!

O filme é teatral e leva essa linguagem a risca. As entradas do Diabo são tentadoras e ao mesmo tempo bastante divertidas tmbm, assim como o seu universo caótico, que tmbm tem uma beleza escondida. Talvez o filme tenha sido injustiçado por conta da tragédia da morte de Heath e chegou até  ser considerado não ser finalizado após o acontecido, o que seria um absurdo na minha opinião e uma completa falta de respeito com o trabalho do artista e de todos envolvidos no projeto. Ainda bem que isso não aconteceu, assim tivemos a chance de conhecer esse novo universo de fantasia incrível. Agora vou ter que esperar ansiosamente para garantir a minha versão dupla edição de colecionador do DVD, que eu espero que venha com pencas de extras sobre a produção, que é um assunto que muito me interessa sempre.

E se vc é daqueles que tem uma imaginação descontrolada e maluca, vale a pena entrar nessa viagem do Dr Parnassus que eu garanto que será no mínimo maravileeeandra!

Incrível não?

Setembro 22, 2009

Alguém precisa de mais algum motivo para assistir esse filme?

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105531572_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105538822_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105541494_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105547838_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105557400_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105530354_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105532963_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105540135_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105551916_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105554697_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105601635_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105600056_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105558791_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105556166_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105549338_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105532963_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090813025814446_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105535760_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105537338_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105545041_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105553432_640w

the-imaginarium-of-doctor-parnassus-20090916105550728_640w

Para mim já deu, rs! The Imaginarium of Doctor Parnassus é o novo filme do diretor Terry Gilliam, do qual eu já falei aqui para vcs, já mostrei até o trailler vcs lembram? Além de ser um filme com uma fotografia, direção de arte e figurinos incríveis e contar com todos esses atores maravilhosos, foi também o último tabalho do Heather Ledger (snif) que foi subsittuido por Johnny Depp, Colin Farrell e Jude Law np papel de Tony, para a finalização do trabalho. O filme estréia nos cinemas em 25/12/09, ótimo programa para a semana do Natal neam?


%d bloggers like this: