Posts Tagged ‘Kristen Wiig’

Um red carpet dos mais coloridos para o Emmy 2012

Setembro 24, 2012

Quem apostou no nude/bege, no branco ou no preto, imprimiu fraqueza e acabou não sendo muito feliz no red carpet do Emmy 2012 de ontem a noite, que além de ter sido uma premiação especialmente ruiva esse ano (aposto que eu e o Charlie Brown temos alguma influência nisso, rs),  o que já denunciava que eles estavam sedentos por cor (rs),  acabou nos mostrando que a tandancé da vez são as cores, das mais variadas possíveis.

O que pode ser um sinal de que as coisas estão mudando em Hollywood (graças a Cher!) e elas finalmente começaram a entender que nem tudo é branco, preto ou bege nessa vida, mesmo para eventos de gala e a noite. Outra tandánce da vez no 64th Annual Primetime Emmy Awards foram os decotes, que nunca estiveram tão generosos e ou equivocados em transparências bem meio assim…

Mas chega de falar, que o que a gente quer mesmo é conferir quem é que se deu bem e principalmente quem é que foi #WÓ na premiação da televisão que nos faz ter cada vez mais certeza que assistimo quase tudo, rs. Então vamos lá:

 

Yeah, They Were All Yellow

Claire Danes ao lado do seu Hugh Dancy magia (Höy! – que bem poderia estar em um outra categoria mais abaixo desse mesmo post) que estava lindíssima nesse amarelo da Lanvin, lembrando que a atriz além de tudo está gravidíssima do seu filho com o boy magia e estamos ansiosíssimos para conhecer o nosso sobrinho Dancy Danes.

#MUSE

#MARAVILEEEANDRABIPOLAR&PREMIADA

Gosto de quem se arrisca, ainda mais quem não precisa mais provar nada para ninguém, como a Julianne Moore por exemplo, que todo mundo está cansado de saber que é ruiva e linda (mentira, nunca cansamos da sua beleza Jul!) e que me resolveu aparecer linda assim em um amarelo da Dior Couture que até poderia ser bem básico se fosse em preto, mas que nesse tom acabou ganhando uma leitura deliciosa!

#MARAVILEEEANDRA

Mas parece que o sol não brilhou para todas e esse modelo também em amarelo da Kaley Cuoco by Angel Sanchez, não estava entre as melhores que escolheram a cor para a noite de ontem.

E quer saber porque?

Porque esse amarelo tem cara de antigo, diferente dos outros dois, que apesar de mais fortes, não tem vergonha de ser amarelo (rs) e imprimem uma modernidade muito maior do que esse amarelo antigo escolhido pela Kaley, que tem cara de vestido de madrinha de casamento que se encontra para alugar em qualquer esquina.

#NAOTABOMNAO

 

Verde Guacamole

E um verde guacamole, a gente aceita?

Até aceitaria, se ele não fosse a escolha da Julie Bowen, que a gente não aguenta mais sendo indicada a prêmio que ela não merece nem mesmo dentro do próprio elenco.

Sorry, mas gosto mais da moldura do quadro da abertura de Modern Family do que da sua personagem.

#NAOTABOMNAO

#NEWMONICA

 

Conselho de amigués para a Sofia Vergara

A gente te adora, te aceita com toda essa gostosura que vc insiste em esfregar nas nossa cara em todo red carpet, mas está na hora de parar de fazer a gostosona hein Sofia?

Avalie esse juri, que a gente sabe que deve ter algumas mulheres e pelo menos umas 55 bichas invejosas e mostrando todo esse corpão sempre em dia, suas chances de ganhar qualquer coisa só diminuem, porque todo mundo sabe que a inveja triunfa!

Cubra-se de vez em quando para surpreender pelo menos uma vez na vida (apesar do vestido Zuhair Murad ser lindo também), em algo que valorize as curvas mas não mostre demais. Aposto que assim vc seria mais bem vista no Team Contra Gostosas e tiraria de uma vez por todas esse prêmio que a gente não aguenta mais indo parar nas mãos da sua colega de elenco.

ps: AMAMOS sua Gloria!

 

Muito “Princesas Disney” para o meu gosto…

Gostamos da Zooey Deschanel (antes de The New Girl, a gente até gostava mais) só que tem um problema, essa aura de princesa Disney dela não convence muito…

Tudo bem que somos #TeamFelicidade e AMAMOS pessoas simpáticas, mas eu não conseguiria conviver com alguém que só consegue ver o lado bom da vida. (por isso não leio muito o seu blog, apesar de ter meninas ótimas escrevendo lá, não consigo levar muito a sério quem tende a ignorar as coisas que não gosta só para não se comprometer muito…)

Esse tule da saia do vestido Reem Acra é lindo, mas nessa cor e com esse movimento + essa cara que esbanja alegria “espontaneamente”, acabou imprimindo muito Princesas Disney para o meu gosto…

#NAOTABOMNAO

#SEJANATURAL&RECLAMONADEVEZEMQUANDOZOOEY

 

Black Fraqueza

Quem foi de preto esse ano acabou imprimindo fraqueza e temos três bons exemplos disso na sequência.

O primeiro deles com esse Zac Posen da January Jones (que até que é bem bacana), ela que eu já reparei que gosta de se arriscar mais quando o assunto é red carpet, mas que dessa vez foi infeliz no make, que acabou com a coitada que a gente sabe que de coitada e feia não tem nada.

Olha essa cara de quem foi obrigada a ir na festa de 15 anos da prima que ela nem gostava tanto assim?

#NAOTABOMNAO

ps: por favor, nunca façam nenhum penteado com um fio solto de lado, acho super cafona! Obrigado.

Ok, não querendo ser nada cretino, me parece que a Melissa McCarthy levou muito a sério a lição de que o preto emagrece, não?

Nesse caso, o look é assinado por ela mesmo e isso já vale a nossa simpatia pela iniciativa, mas fiquei sentindo falta de algum contraste já que nessa parte superior por exemplo, temos três peças e assim de longe, quase não dá para perceber.

#NAOTABOMNAO

Amy Poehler foi um dos grandes decotes da noite, algo que até nos surpreendeu um pouco… (devido as circunstâncias do seu atual momento)

Como eu não quero ser aquela pessoa horrível que falou qualquer coisa negativa a respeito da Leslie Knope, só vou dizer que se ela tivesse ido com um dos terninhos da personagem e passado naquele “barbeiro de Pawniee antes da premiação (rs), teria se dado muito melhor, hein?

#NAOTABOMNAOMASDESSAVEZFALANDOBEMBAIXINHOPARAELANAOOUVIR

 

Branco Qualquer Coisa

Jessica Paré, que a gente sabe que é linda, mas que me resolveu aparecer com esse modelo branco qualquer coisa.

Lindo, mas um pouco preguiça demais, do tipo que a gente não consegue imaginar ela cantando “Zou Bisou Bisou” com muita intensidade e parando toda uma cobertura em pleno 60’s, rs

#MAISESFORÇOPORFAVOR

 

ACE todo branco fosse assim!

Emilia Clarke  não levou seus dragões (acho difícil reconhecê-la sem a caracterização de GOT) mas foi com esse branco não tão branco assim da Chanel, que estava maravileeeandro!

E ela a gente mesmo que não estivesse tão bem a gente evitaria provocar para não sair chamuscado, rs

#MARAVILEEEANDRA

 

Parabéns Tina Fey!

Que pelo menos dessa vez resolveu nos ouvir e abandonou de vez os modelos sereias horrorendos de sempre.

Simples, mas ficamos com orgulho, ainda mais da etiqueté escolhida. (Vivienne Westwood)

 

Antigo Demais

O modelo da Vera Wang até vai, é comum mas é bacana, mas a cor e o combo com esse cabelo da Julia Louis-Dreyfus imprimiu algo antigo demais.

Pior que ela ganhou e vai ter que se lamentar por ter feito essa escolha duvidosa para o resto da sua vida. #FUÉN

#NAOTABOMNAO

 

Futurista Demais…

Versace, com cara de alegoria de escola de samba investindo no futurismo.

Elementar minha cara Watson, que vc não precisava desse tamanho todo de lantejoulas…

#NAOTABOMNAO

 

Muito simples, muito espanhola e muita falta de compostura

Kristen Wiig fez a simplesinha demais e acabou ficando com cara de quem foi de lingerie na premiação. (e o decote com transparência e renda desse Balenciaga não ajudou muito. Quase nem acreditei que era um Balenciaga…)

Outra cor ou em outro evento, ela estaria maravileeeandra. Mas hoje não deu para o seu monólogo no SNL

#NAOTABOMNAO

Peggy não estava em um bom dia e além de não ter levado o prêmio para casa, acabou também não sendo muito feliz na sua escolha, investindo nesse estampado Dolce & Gabbana que se tivesse alguns pontos em vermelho, seria a caracterização da própria espanhola, rs

#NAOTABOMNAOPEGGY

ps: Peggy também fez o que ninguém deveria fazer em dia de premiação ou qualquer outra coisa importante, que é retocar a raiz no mesmo dia…

Sabe aquela pessoa que vc se arrepende de ter convidado para a festa? Então,  Connie Britton, que quando não vai vestida de qualquer coisa totalmente fora das demais, não sabe muito bem como se comportar em público.

E olha que nós adoramos as bafoneiras, mas para isso vc precisa ser alguém na noite Connie. O que não é o seu caso…

E o tom de caramelo mais artificial do que qualquer bala Toffee?

#NAOTABOMNAOETALVEZNUNCAMAISRECEBAOCONVITE

 

Bi-Leeeandra!

Quase não reconheci a Edie Falco nesse bicolor maravileeeandro!

Tudo bem que eu não gosto nada desse cabelo, mas esse vestido tinha umas costas linda toda em branco, que merece o desvio das nossas atenções para o que realmente interessa.

#MARAVILEEEANDRA

 

De Downton para o mundo

Michelle Dockery linda de Vuitton azul. #TEMCOMONAOAMAR?

Tudo bem que esse é aquele típico vestido que foi feito para ficar de pé, caso contrário amassa inteiro como podemos bem observar na imagem, mas quem se importa sabendo que Mary casou-se recentemente com primo Matthew e talvez tenha sido a noiva mais linda que eu já vi na minha vida. (e olha que eu nem sou muito fã de noivas)

E como sabemos que ela veio de longe, perdoamos o amassado.

#MARAVILEEEANDRA (♥)

Agora, quem me surpreendeu mesmo foi a Joanne Froggatt, também de Downton Abbey, que me apareceu com essa cara de muse antiga que é claro que todos nós amamos.

O vestido poderia ser em outra cor (acho essa cor muito madrinha de casamento americano atual), mas mesmo assim, vamos dar um desconto por todo o resto.

#MARAVILEEEANDRA

 

A melhor vingança foi  a do seu vestido contra vc mesma…

… que não te favoreceu em nada e aproveitamos o momento para revelar que essa maquiador também não deve gostar muito de vc hein,  Emily VanCamp? Mais um para incluir na sua vingança…

#NAOTABOMNAO

ps: não assisto a sua série porque te acho #WÓ e credito a sua existência o péssimo desenrolar de Brothers & Sisters desde que vc apareceu na série pela primeira vez. 

 

Sorry! Não respeito quem combina a cor do cabelo com a cor do vestido

ps: Tutubarão pediu os dentes de volta, rs. Mas sério, dá para devolver?

 

Festa boa de verdade, tem que ter climão

Sabe quando o seu boy magia (nosso, porque acho que ela nem pode muito dizer isso, tisc tisc) resolve dar aquela atenção a mais para a vagabunda que vc não suporta nem pintada de vermelho do próprio sangue?

Sempre um climão.

#ESTAMOSCOMVCCHRISTINAHENDRICKS

ps: não disse que esse ano foi tudo sobre os decotes no Emmy? Höy!

 

Floral da noite

Julianna Margulies  e o seu Giambattista Valli, que foi a estampa floral mas linda da noite.

#MARAVILEEEANDRA

 

Acessórios poder da noite

Kat Dennings que além dos seus invejáveis gêmeos (sorry, não resisti, mas vc foi vc quem provocou! rs), que foi acompanhada do seu Nick Zano, boy magia que é sempre um acessório indispensável em noite de premiação.

Höy!

ps: decotes generosos, eu disse. 

Jennifer Westfeldt, que investiu no seu Jon Hamm exclusivo, acessório mais do que invejado por todas e não é de hoje.

Höy!

E a nova namorada do Michael C. Hall que a gente até aprendeu como se chama, mas já esquecemos, visivelmente deslumbrada carregando tamanha magia ruiva no Emmy 2012.

Reação mais do que humana diante da magia ruiva dele.

Höy!

 

Momento “Bow Ties Are Cool!” (♥²)

Bryan Cranston e Aaron Paul, ambos adorkables e nos fazendo morrer de tanto orgulho com suas gravatas borboletas.

Sério, #TEMCOMONAOAMAR?

 

Girls³

Lena Dunham diabólica de Prada (e o cabelo novo está maravileeeandro! Mas ela estava ou não estava meio que de cara fechada?), Allyson Williams de Oscar de La Renta e a Zosia Mamet nesse bicolor, que eu acho o melhor dos três, by Bihbu Mahopatra.

#TEMCOMONAOAMAR essas meninas? (mas sentimos falta da Tessa, que teve bebê recentemente! Smacks)

 

#SÓAMOR (♥)

Adam Driver, o Adam da Hannah. Höy!

Alguém me diz se é possível não se apaixonar completamente pelo personagem dele em Girls?

 

E a noite de ontem foi mesmo dela: Snow White!

E a cara de arrogante da Ginnifer Goodwin de quem tem certeza que deitou com todas nesse tangerina maravileeeandro by Monique Lhuillier?

Clap Clap Clap!

#MARAVILEEEANDRA

 

♥ Já está seguindo a magia do Guilt no Twitter? Ainda não? @themodernguilt

Da série casais que a gente não sabia que era um casal, mas que adoramos a novidade: Kristen Wiig + Fabrizio Moretti

Agosto 2, 2012

Não sei em que caverna que eu andei me escondendo, mas não fazia ideia que esses dois agora formavam um casal. Foufo mil!

ps: só não vou dizer que morri de inveja, pq em algum momento aqui no Guilt eu já comentei que tive meu momento foufurice com o Fabrizio… (antes que a Sonia Abraão leia isso e crie toda uma polêmica no seu programa, isso foi em um show antigo do Little Joy aqui em SP, onde eu encontrei o Fabrizzio de surpresa no bar e trocamos algumas palavras e é claro que ele riu de mim – que foi quando começou o assunto – e ainda me deu uma abraço & um smack assim, que para ele não significou nada – ♥ – mas que para mim foi tipo a graça alcançada por ter chegado pertíssimo de um dos Strokes! PÁ!)

ps2: pensando em recortar a cara da Kristen (sorry Kristen! Te AMO Kristen!) e colocar a minha no lugar… (rs)

 

♥ Já está seguindo a magia do Guilt no Twitter? Ainda não? @themodernguilt

O que faltou no red carpet do Oscar 2012?

Fevereiro 27, 2012

Faltou tudo. Faltou emoção, faltou glamour, faltou erros, faltou, faltou, faltou!

O saldo do red carpet no Oscar 2012 pode até ser positivo, porque elas estavam até que adequadas para a noite de premiação, o que já é quase um milagre pensando no histórico de cada uma delas. Mas nada saltou os olhos, nada comoveu e o conjunto todo acabou deixando todo mundo com preguiça. Muita preguiça…

Queremos sofisticação! Queremos erros pavorosos! Queremos material para trabalhar (e se divertir)! Queremos uma razão para viver! (aquele que exagera)

Mas, mesmo com tanta preguiça reunida em alguns metros de carpete vermelho barato, vamos ver quem se deu melhor e quem não foi tão bem assim no Oscar 2012. Só não vale dormir no meio do post, hein?

 

Dona Beiça

Dona Beiça, também conhecida como Angelina Jolie (ou a mãe de todos, rs) me apareceu assim, com essa cara de PÁ no red carpet do Oscar 2012.

Não sabemos o que a Dona Beiça tomou na limousine a caminho da premiação, mas sugerimos que ela continue nesse caminho, que está melhor do que a cara fechada e gélida de sempre.

Será que a Angie antiga está despertando dentro dela e logo logo teremos alguém voltando a colecionar facas e com colares carregando o sangue de quem for da sua família? Go Tomb Raider!

Mas e o vestido?

Um pretinho fundamento, em veludo, bem bacana, se não tivesse essa fenda enorme que sempre imprime uma vulgaridade que ninguém precisa.

By Versace

 

Não faz a estatueta Meryl!

Meryl Streep, deusa musa onipresente em toda e qualquer premiação, sábia que é, apareceu ela mesmo vestida de Oscar.

Esperta neam? Vai que ela saísse com as mãos abanando? rs

O modelón dourado era um Lanvin, que eu achei o colo sensacional, mas deixaria essa barra da saia mais solta e talvez um pouca mais longa. Nesse caso, ouro nunca é demais. (rs)

 

Outro que não se fez de rogado e levou a sua própria estatueta foi…

…o George Arrume uma Namorada Da Sua Idade Pelo Menos Uma Vez E Tente Ser Feliz Clooney,  que levou o seu novo troféu preguiça para a premiação, já sentindo que ele mesmo não levaria nada além de um bom chá de calcinha dourada para casa.

 

Um Alexander McQueen sempre merece por obrigação um cabelo mais fundamento

Viu Jessica Chastain? Não basta ser ruiva, tem que se esforçar.

Vestido lindo, com fundamento, mas imprimiu que vc estava na prova e não no evento final. WOO!

 

Verdes que entregam a idade, ou pelo menos a sua condição

Três tons de verde que no mínimo entregam a idade, ou a sua condição.

O primeiro é o verde poder da noite, escolhido pela atriz Berenice Bejo.

Jovem (detalhe importante), leve, delicado, com cara de antigo, mas moderno ao mesmo tempo, uma delícia de maravileeeandro.

O segundo tom de verde da noite foi escolhido pela nossa queridíssima Glenn Close, a gêmea má da Meryl Streep, rs.

A escolha da Patty Hewes foi meio assim, com essa cor e a cauda, cor essa que eu sempre associo á mulheres mais velhas.

Vai me dizer que vc nunca foi a um casamento com uma madrinha de meia idade vestindo algo da mesma cor?

Por isso, acho que esse tom de verde denúncia a idade, portanto, evitem!

Viola Davis cortou o cabelo e já parece até outra mulher não?

Aliás, se a gente comparar a sua personagem com a sua figura nas últimas premiações do cinema e agora no Oscar 2012, temos 3 mulheres totalmente diferentes. Coisa de atriz boa.

Mas eu não sei, o tecido dessa parte de cima do vestido dela não imprimiu luxo e sofisticação, mesmo ela tendo apostado no pantone Ariel, que eu já disse que sempre funciona (ruivo + verde)

 

Beiges e nudes que insistem em resistir ao tempo

Se é para ir de beige ou nude, tem que ter fundamento, ou a gente não consegue aceitar. Pelo menos não é um bandage dress, o que já é um alívio.

Apesar do vestido da Cameron Diaz ter uma saia bem bacana, não imprimiu novidade e só eu tive a sensação que nós já vimos muitas vezes algo parecido por ai?

Acho preguiça, acho sem graça e mais do que tudo, eu acho sinceramente que a Cameron está precisando de um amigo mais sincero ainda para falar para ela parar de colocar tanta coisa nessa cara, ou daqui uns dias ela não consegue mais abrir esses olhos com tanta bochecha. WOO!

By Gucci

Ainda falando em beiges sem gracinha, Kristen Wiig se deu melhor em sua escolha, que embora também seja preguiça, pelo menos tinha essa saia maravileeeandra e que dava até vontade de tocar.

 

Volumão no volumão, NÂO!

Nesse caso, a imagem fala por si só. #NAOTABOMNAO

 

Blowtox? 

Tô dentro, pacotinho! (euri)

Se puxar mais esse cabelo para aumentar o efeito do truque, J-LO vai conseguir o sonho de muitas, que é ter os olhos nas costas. WOO!

 

O que é isso Penelope? Seu vestido de Sweety Sixteen?

Mulheres do universo, não é porque vcs já se tornaram mãe que a magia acabou para vcs, hein?

Cadê o encanto? Cadê a latinidade? Cadê a pomba gira do Almodóvar?

Não aceito Penelope Cruz vestida de debutante. Não aceito.

NOW MOVE!

By Giorgio Armani

 

Eike preguiça…Zzzz

O dia em que a Sandra resolver me aparecer decente e com fundamento, nem que for para ir na padaria, talvez o mundo volte a ter alguma esperança. Cadê a silhueta?

Sabe preguiça? Então…

By Marchesa

 

Brilho de diva antiga, mas faltou alguma coisa…

Achei sensacional o pretinho com esse detalhe nada básico que a Judy Greer escolheu para a noite de premiação.

Imprimiu diva antiga (mas faltou alguma coisa. Uma boa joia, talvez? Ou um cabelo mais decidido se seria com cara de época ou não)

 

Também faltou algo para a Natalie Portman ficar realmente maravileeeandra

Acho que uma faixa na cintura desse vestido iria bem, em outra cor, escura talvez, com brilho. Não sei, mas faltou alguma coisa…

Vida, talvez?

By Dior

 

E a fantasma stalker de American Horror Story, foi convidada para a festa? Confirma esse nome na lista pra mim, produção?

Mas os fantasmas da série não só podiam sair daquela casa pavorosa somente no Halloween?

Fiquei confuso…

Mas com essa postura, parece que ela ainda está no personagem. BOO!

 

Vamos precisar de um tempo para nos acostumar com a saia peplum

As tendências aparecem, mas as vezes demora um pouco para a gente se acostumar com elas.

Geralmente eu acho que isso acontece quando não é uma tendência das bem boas…

Digamos que na Michelle Williams, a saia peplum nem me incomodou tanto assim, mas acho que foi mais o combo da nova tendência + a cor nada comum que acabou contribuindo para o look ficar meio assim…

Mas pensando bem, eu até acho que eu gostei…pelo menos nela, mas não acho que seja um look fácil e nem para qualquer uma.

By Louis Vuitton

 

Porque premiação que é premiação boa, tem que ter alguma corajosa!

E a representante desse ano foi a Emma Stone, que foi com esse vestido pink até que básico, se não fosse por essa gola com o mega laço de lado.

Acho sempre importante quando alguém tem coragem de ser mais ousada, mesmo quando bem discretamente.

Go girl!

 

A noite do branco

Juro que o vestido branco da Milla Jovovich assim parado na imagem do red carpet, não era quase nada se comparado com ele em movimento durante a premiação.

Maravileeeandro! (talvez o melhor da noite)

Rooney Mara foi outra que apostou na cor e se deu mais do que bem.

Em um determinando momento durante a premiação, achei que ela estava a cara da Audrey Hepburn, em uma versão meio futurista, rs.

Maravileeeandra!

Outra tendência que ficou bem em evidência durante a noite do Oscar de ontem, são os vestidos com mangas longas que algumas delas resolveram investir no fundamento.

Como esse, também em branco, da atriz Shailene Woodley, que foi outra das que apostaram certeiramente na cor.

Maravileeeandra!

Agora vamos ao branco polêmico da noite?

…o Tom Ford da Gwyneth Paltrow. Até que eu achei bem bonito e com certeza a dúvida maior é a capa.

Que nem me incomoda muito (acho uma bela capa até. Me empresta Gwen? Para eu completar a minha fantasia de Super Essy? rs), mas acho que o problema é que o combo cabelo + rosto + o look, estão todos na mesma direção e de novo, sinto a sensação de que faltou alguma coisa…

 

E em um mundo cada vez mais em falta de boys magia, eis que surge uma esperança, que de quebra ainda vem com sotaque francês: Jean Dujardin. Höy!

Brad Pitt e Geoge Clooney estão naquela situação dfícil que a gente já conhece, Tom Cruise não dá,  e o Ryan Gosling não deu o ar da sua graça, com toda razão, depois de ter sido ignorado por dois anos seguidos na premiação.

Mas com uma magia do tamanho de um Jean Dujardin, que além do sotaque francês, vem também com cara de galã + o combo talento (que levou o prêmio de melhor ator), a gente até começa a ter mais esperança por um mundo com mais magia.Höy!

E nada melhor do que terminar um post com um red carpet preguiça como esse, com alguma esperança por um mundo melhor, ou pelo menos, com mais magia!

ps: mas que faltou alguma coisa esse ano no red carpet do Oscar, isso faltou. Quem sabe elas compensam em 2013? TO-MA-RA! Porque se vier mais preguiça que isso, não sobra uma alma fashionista acordada em noite de premiação.

SAG Awards 2012 – Prontos para mais um red carpet preguiça?

Janeiro 30, 2012

Que temporada é essa minha gente? Um prêmio atrás do outro.

É tanto red carpet, que a gente acaba ficando até meio assim de comentar. Mas vamos lá, força amigués, porque esse está de doer os olhos.

Que a Santa Chanel do bom gosto nos ilumine nessa hora e nos dê paciência. Amém!

Olha, não sabia que já estava a venda o bobble head da Angelina Jolie. Euquero! (rs)

Eu já disse que a Angelina Jolie tem que viver uma bruxa da Disney, porque a cara pronta para isso ela já tem, não?

Agora, o que essa imagem acabou nos revelando mesmo é que além do talento natural para ser um bruxa evil da Disney, ela também tem vocação para encarar um Sci-Fi, fazendo papel de alienígena. WOO!

Vai me dizer que vc nunca assistiu nenhum filme com um alien cabeçudo e com os bracinhos fininhos assim?

Falando no universo Disney, o que acontece com essas meninas que tem complexo de princesa de contos de fadas hein Kaley Cuoco?

Penny, Penny, Penny (sorry, mas eu também tenho toque, rs)

E as gêmeas Glenn Close e Meryl Streep, hein? Tipo Ruth e Raquel, rs

Nesse caso, Meryl levou a pior, porque eu sempre acho que ela usa tecido demais e quase sempre imprime que esta usando a mesma roupa em cores diferentes. Sabe aquela canga de seda que vc pode amarrar de 1001 formas e que toda hora no verão, tem um cara fazendo a demonstração em programas preguiça da Tv? Então…

Já a Gleen Cruella Patty Hewes Close levou a melhor com o seu look de sogra pure evil que não aprova a união do seu filho único e faz questão de ficar de cara amarrada durante toda a cerimônia.

Agora eu sinto muito em dizer, mas a Emma Stone e a Michelle Williams me decepcionaram na noite de ontém, hein? Fom forom fom fom.

Emma foi de Alexander  McQueen, o que sempre é um ponto a favor para qualquer um, só que eu repensaria o vestido, mas manteria a clutch com orgulho.

E a Michelle não segurou esse Valentino neam?

Talvez porque ele não seja dos melhores e eu detesto esse tipo de barra na saia.

Vamos falar de fendas?

Então, eu não gosto de fendas e quem acompanha o Guilt já sabe disso.

Acho sempre meio preguiça e quase sempre acaba imprimindo uma vulgaridade desnecessária, ainda mais se for assim super profunda, como essa fenda da  Lea Michele, que se fosse ainda mais profundo, cruzaria os países baixos e chegaria facilmente até a testa, onde acabaria sendo confundida com a cicatriz do Harry Potter.

O mesmo vale para a Emily Blunt, que foi com uma fenda um pouco mais comportada, mas que não precisava disso. Ainda mais ela, que já foi secretária/assistente do Diabo, já foi rainha e de quebra, ainda carrega um tipo de acessório dos mais invejáveis ever.

Acessório esse que é o John Krasinski, é claro. E vcs viram?

Nessa imagem que a fenda do vestido nem aparece, ele parece ser bem mais bonito do que ele realmente é.

John Krasinski = Jim = Perfect Match = HÖY! (fórmula do boy magia, que é bom decorar para o vestibular da vida, rs. Ps: mas existem variações dessa fórmula, rs)

Já que falamos do Jim, temos um recado para a sua mulher, a Pam: Abre o olho, que aquela sua substituta anda bem de olho no seu boy magia em The Office,  hein? Estamos de olho…

Na verdade, alguém poderia dizer para a Jenna Fisher que essa cabelinho cacheado de época não dá, hein?

E a Jessica Chastain, hein?

Tão linda, tão ruiva, tão talentosa e tão preguiçosa, não?

Custava se esforçar mais?

Tudo bem que esse azul do vestido dela é delicioso neam? Mas só isso não é o suficiente.

Zzzz

Se a Kristen Wiig tivesse amigos sinceros, certamente um deles teria avisado que não se deve usar frente única com colar do tipo coleira neam?

Querida Dianna Agron, eu ainda não consegui me decidir se eu tenho mais preguiça do seu vestido ou da sua personagem em Glee.

Zzzz

Agora vamos falar de volumes?

Dessa vez, diferente do que sempre acontece,  o volume saiu dos quadris ou das saias do tipo sereia e subiu para o peito.

Não sei porque, mas eu acho que a Natalie Portman não esta mais na sua melhor fase.

Acho a cor triste, acho que não combinou com ela e não acho poder. Eu evitaria.

Mas pode ficar pior, como no caso desse volumão do vestido da Sofia Vergara. Ai minha família! (quote, rs)

Porque neam?

Já pensou se um passarinho pousar ali, achando que é uma daquelas fontes em formato de concha?

Ou pior, já pensou se alguém confunde com depósito de bateria ou de pilha velha?

Eu vejo uma humilhação desnecessária, por isso também evitaria.

Agora, por incrível que pareça, eu achei que de todos esses volumes no peito, o que funcionou melhor, surpreendentemente foi o da Amber Riley, que eu achei bem bom, sem preguiça nenhuma.

Gosto de quem se arrisca bem e achei que ficou um volume interessante no conjunto todo.

Só eu acho que a  Rose Byrne ficou careca?

Desde que ela decidiu se tornar uma fashionista, eu tenho uma preguiça dobrada dela, apesar de continuar amando Damages e sonhar com o dia em que Patty Hewes vai dançar o Futterwacken no túmulo da Ellen, embora elas não sejam inimigas na série (não exatamente…)

Anna Wintour já pensa em processar e a Edna Moda diz que não aceita a cópia barata e irá tomar as devidas providências.

E foi só a gente elogiar a Tilda, para ela se render a preguiça do nude que não é muito bem um nude preguiça.

Achei que faltou vida, faltou poder. Humpf!

Agora, uma que se redimiu direitinho depois do seu look desastre no Golden Globes, essa foi a Kelly Osbourne, hein?

Apareceu linda, mesmo combinando a cor do vestido com a cor do cabelo.

Ouvi vários fashionistas dizendo que amaram a cor do cabelo pavoroso dela, mas desculpa, pra mim, continua imprimindo cabelo de Barbie velha. Fato.

E eu disse velha e não antiga, o que é uma grande diferença.

Aproveitando a leva de looks mais claros, achei que a Viola Davis estava sensacional com esse branco e dourado hein?

Look de ricah premiada da noite. Clap Clap Clap!

E a Kyra Sedgwick que me apareceu bonita na premiação?

Conta pra gente onde vende esse suco gummy da juventude que vc andou tomando hein Kyra?

Porque todas sabem que essa não é a sua verdadeira cara. (rs)

Agora chegou a hora da cor da noite: o preto.

Quem esteve maravileeeandra no red carpet do SAG Awards 2012, escolheu um pretinho nada básico para chamar de seu.

Como a Jayma Mays, a Ashlee Simpson e a lindíssima Amber Heard, que escolheram três modelos bem diferentes e bem dos sensacionais.

E agora que estamos chegando ao final, vamos ver os três (na verdade 4) melhores looks da noite.

 

3 – Shailene Woodley

Maravileeeandra com essa estampa floral e esse vermelho que salta desse fundo azul do vestido.

By L’Wren Scott

 

2 – Emilia Clarke

Tá pensando que ser mulher de Karl Drogo é coisa pouca?

Não é não viu? E a Emilia Clarke, o peitinho mais bem pago do momento em  Game Of Thrones foi com esses Chanel bicolor sensacional!

Maravileeeandra!

 

1- Tina Fey (+ Jane Krakowski)

E quem diria que a Tina Fey seria o nosso primeiro lugar, hein? Aposto que ela está aos prantos lá no Rockefeller Center.

Na verdade, esse primeiro lugar vale mais como um incentivo, para dizer que ela anda no caminho certo com esse seu Versace vintage e poder.

E também  amamos a dobradinha de 30 Rock! (embora o Antonio Berardi da Jane Krakowski, seja melgor do que o da Tina)

E esse foi o SAG Awards 2012. Mas eu não poderia encerrar esse post sem dedicar todo o amor do Guilt para:

Betty White, que ainda levou o prêmio de melhor atriz em comédia. MUSE! Clap Clap Clap!

E também para a dobradinha Bryan Cranston e Aaron Paul , que é sempre sensacional, não?

Estou achando que o Aaron está mais gordinho e mais bonitinho do que nunca e que o Bryan Cranston é tipo outra pessoa com cabelo e sem a caracterização do Mr White, hein?

Sabe talento? Então…2 ótimos exemplos.

Kristen Wiig maravileeeandra para a GQ

Novembro 22, 2011

E o que eu disse mesmo sobre investir no fundamento masculino sem deixar de ser feminina? Hein?

HÖY!

 

ps: e esse fundo será a cor da parede do meu quarto em 2012. Falei primeiro. (rs)

Concordar em ser “bridesmaid” é concordar em ser cafona pelo menos por um dia, fikdik

Agosto 16, 2011

Engraçadinho vai? No finde optei por um filme mais leve do que o de costume e apostei em “Bridesmaid” para ver se era engraçado mesmo como todo mundo diz.

E não é que eu achei graça?

Todo mundo sabe que concordar em ser bridesmaid é concordar em ser cafona pelo menos por um dia (em alguns casos pelos menos pode durar apenas um dia, confiando no bom gosto dos leitores do Guilt, rs). E o filme aproveita para tirar sarro de todo esse exagero do sonho de princesa que ganha proporções absurdas quando uma mulher se encontra nesse momento da sua vida. Tudo rosa demais, com babado demais, grandioso demais. Vamos fingir que somos princesas por um dia. VA-MOS! (gritam as amigas preguiças)  Zzzz

O começo do filme é sensacional e eu acho difícil vc não se identificar com uma situação ou outra na qual a protagonista Annie (Kristen Wiig) enfrenta ao longo da história e a sequência inicial é um bom momento para vc se perguntar: Quem nunca?

Sem contar que ela divide esse momento com o Jon Hamm, que esta escrotíssimo no longa, mas ele é o Jon Hamm e só isso basta. Höy!

O filme tem aquele humor da derrota, do estereotipo loser que os americanos por anos tiraram sarro, mas finalmente entenderam que fracassos acontecem e muitas vezes com pessoas legais. Humpf!

Apesar do grande apelo do filme estar no foco da eterna competição preguiça e totalmente desnecessária que todas as mulheres do mundo enfrentam ao longo da vida, do jardim de infância até a casa de repouso (rs), os meus momentos preferidos estiveram relacionados no desconforto entre a relação mulheres e homens, principalmente quando vc não tem muita intimidade com o parceiro e esta a procura disso, rs.

As conversas entre amigas, sobre sexo, intimidade ou qualquer assunto relacionado ao universo masculino, funcionaram muito melhor como piada pra mim. E eu ainda teria deixado passar batido aquela cena de escatologias relacionadas a um certo restaurante típico brasileiro. Totalmente desnecessário, não por ser brasileiro, porque isso pode acontecer em qualquer nacionalidade, mas sim por ser nojento demais.

O filme é realmente bem gostosinho, leve e não é tão bocó assim como a maioria das comédias americanas, mas o problema é que a piada não se sustenta por muito tempo e a segunda metade do longa começa a ficar meio assim.

Salvo apenas pelo início de um romance bem foufo entre a protagonista e o policial, muito mais real e possível (algo que muitas vzs a gente até reluta por pura burrice, humpf!), que todas sabiam desde o começo que seria o par ideal para ela.

O desfecho do filme apesar de óbvio, não é tão óbvio assim e no final das contas vale a pena para a gente rir de quem ainda se contenta com um padrão de casamento que já deu o que tinha que dar.

Pra que sonhar com o dia de princesa preguiça e fabricado em série, se vc pode fazer algo igual ao casamento da Kate Moss, clássico, sem fugir muito do óbvio, mas com muito fundamento, hein? Vamos reavaliar esses conceitos preguiça?

Ainda bem que temos protagonistas como a Annie para nos representar hein? Go girl!


%d bloggers like this: